O teste do cotonete e o teste do colo do útero estão entre os queridinhos das mulheres que estão tentando engravidar. Isso normalmente acontece porque ambos são fáceis de serem feitos, fáceis de avaliar o resultado e não precisam de equipamentos ou materiais específicos. Ou seja, qualquer mulher pode fazê-los na comodidade de sua casa e sem correr grandes riscos.

Ilustração de mulher com expressão facial de dúvida ou indecisão

Crédito: Freepik

Sendo muitas vezes o primeiro a ser feito, o teste do cotonete consegue avaliar se o ciclo menstrual da mulher está se aproximando. Isso quer dizer que, conforme o resultado dele, você consegue saber se está prestes a menstruar ou não (quer uma dica melhor para avaliar as chances de estar grávida?).

Já o teste do colo do útero verifica o estado do colo do útero através do toque, o que também ajuda a avaliar se a mulher está ou não prestes a menstruar (e se há chances consideráveis dela estar grávida).

Publicidade

Conheça melhor cada um destes testes aqui e descubra como fazê-los corretamente. Boa leitura!

Teste do Cotonete

Cotonetes para teste do cotonete

Crédito: Freepik

Antes de mais nada, vale lembrar que o teste do cotonete não é uma ciência exata e não substitui de nenhuma forma um exame específico de gravidez ou uma consulta médica. Afinal, o objetivo dele não é ser categórico sobre a gestação, mas sim, avaliar se a mulher está ou não prestes a ficar menstruada.

Ou seja, se o resultado do exame mostrar que a mulher está a ponto de menstruar, ela já pode descartar uma gestação. Todavia, isso não significa necessariamente que não estar a ponto de menstruar seja sinônimo de gestação.

O teste do cotonete é eficaz?

Sim, o teste do cotonete é bastante eficaz naquilo que ele se propõe a fazer: avaliar a iminência da menstruação.

A sua eficácia é alta porque ele implica em avaliar a secreção presente no próprio colo do útero. Ou seja, ele vai diretamente onde o sangue menstrual se dirige antes de “descer” e de você ficar efetivamente menstruada.

Publicidade

Leia aqui também o que pode estar por trás da menstruação irregular.

Como fazer o teste do cotonete?

Embalagem com cotonetes e fundo azul

Crédito: Freepik

Para fazer este exame você deve pegar um cotonete e o inserir no canal vaginal, leve-o até que o mesmo alcance o colo do útero.

Quando o cotonete chegar lá, é só garantir que ele toque no colo do útero e pronto: agora é só retirar e analisar a cor e a consistência da secreção que virá junto com o algodão do cotonete.

Resultado

Assim como descrito acima, a forma que o algodão do cotonete retornar vai te dar importantes pistas sobre o seu período menstrual.

Você está prestes a menstruar se o cotonete retornar:

Publicidade
  • Rosado
  • Marrom
  • Avermelhado
  • Com gotas de sangue

Agora, se o algodão retornar branquinho e/ou bem sequinho é porque você não está perto de ficar menstruada. Ou seja, neste cenário é possível que você tenha engravidado e, por isso, não vá menstruar por um tempinho.

Veja aqui como funciona o teste de gravidez com vinagre.

Posição

Mulher agachada

Crédito: Freepik

O mais indicado é que o teste do cotonete seja feito com a mulher sentada. Isso porque nesta posição é mais fácil do cotonete ser inserido corretamente no canal vaginal. Entretanto, há algumas mulheres que se sentem desconfortáveis desse modo. É comum que a segunda posição mais utilizada pelas mulheres seja deitada.

Por fim, também é possível que as mulheres façam o teste agachadas (muitas vezes durante o banho). Essa pode ser uma posição interessante para as mulheres que se sentem mais angustiadas de inserirem um objeto no canal vaginal (isso porque, quando a mulher fica agachada, o colo do útero tende a se aproximar da entrada da vagina).

Qualquer uma das três posições é adequada, e vale lembrar que o importante é que o exame seja feito com calma e tranquilidade. Por isso, procure a posição que te faz se sentir mais confortável e cuide para não machucar o colo do útero.

Aproveite e conheça o teste de gravidez com água sanitária.

Teste do colo do útero

Mãos colocando luvas cirúrgicas em fundo azul

Crédito: Freepik

Há mulheres que preferem o teste do colo do útero ao teste do cotonete. Isso se deve muito ao fato de que este exame é corriqueiramente feito por médicos ginecologistas em seus consultórios (o que dá maior credibilidade ao teste, sob a percepção das mulheres).

É super possível ter uma boa noção das chances da mulher estar ou não grávida através deste teste. Apesar disso, vale ressaltar que ele demanda um pouquinho mais de atenção da mulher no momento de verificar o resultado. Isso porque, neste caso, não é somente verificar a cor de um algodão.

Estados do colo do útero

Veja aqui o que o comportamento do colo do útero diz sobre as chances de gestação.

  • Fechado: Sensação de tocar de ponta do nariz. A consistência é mais firme e o orifício costuma estar contraído.
  • Aberto: Se assemelha a encostar nos lábios, pois é macio.
  • Alto: Requer um certo esforço para encontrar o colo do útero. Ele está localizado bem no fundo da vagina.
  • Baixo: Fácil de localizar, você o encontra logo que insere o dedo na vagina. Ele está logo na entrada do canal vaginal.

Leia também sobre o teste de gravidez com sal.

Como avaliar o resultado?

Mulher com mãos na virilha

Crédito: Freepik

Agora que você já entendeu que o seu útero pode apresentar duas consistências (aberto ou fechado) e duas localizações (alto ou baixo), é importante entender o que cada um deles quer dizer.

Primeiro: tenha em mente que seu útero precisa estar macio e aberto para você ovular. Mas isso também pode querer dizer que você está prestes a menstruar (caso isso esteja acontecendo no final do ciclo menstrual).

É preciso que o colo do útero fique aberto para que o espermatozoide consiga passar.

Se ao fazer o teste do colo do útero você notar que ele está alto e aberto, existe uma boa chance de você ter conseguido engravidar. Isso porque quando a mulher engravida, é este o comportamento natural do útero: se manter aberto e subir. Entretanto, se você notar que ele está firme e baixo, é muito provável que você ainda não tenha conseguido engravidar.

Apesar dos próprios médicos ginecologistas fazerem o exame nos seus consultórios, ele sozinho não é capaz de dar nenhuma conclusão definitiva. Por isso, lembre sempre de buscar um exame específico de farmácia ou de laboratório e realizar uma consulta médica, para confirmar suas suspeitas.

Você está mesmo grávida? Parabéns! Leia aqui os primeiros passos para quem acabou de descobrir uma gestação.

Higiene durante os testes

Mulher recém saída do banho

Crédito: Freepik

Os dois testes requerem penetrações no corpo da mulher, mais especificamente na região vaginal da mulher. Por isso, a higiene e o cuidado são fundamentais nestes procedimentos.

Antes de fazer qualquer um deles, garanta que suas mãos estejam com unhas bem aparadas e bem limpas. Faça uso também de luvas cirúrgicas e de cotonetes limpos e esterilizados.

Lembre que esta é uma das regiões mais sensíveis do corpo da mulher e, por isso, é muito fácil dele ser contaminado. As possíveis contaminações nesta região podem afetar tanto a saúde da mulher quanto a saúde do possível do bebê, que está recém sendo descoberto.

Além da limpeza nas mãos, dos cotonetes e luvas, também é super indicado que você use lenços umedecidos íntimos (esses para limpar a região externa, e não para serem introduzidos!).

Lembre-se de agendar uma consulta médica e de realizar exames específicos depois de coletar os resultados nestes testes, ok?

Você já conhecia estes testes? Já usou algum deles em casa? Deixe sua experiência nos comentários.