Ainda durante os primeiros meses de vida do filhote, muitos pais optam por dividir o quarto com o bebê (essa prática, inclusive, é recomendada pela Associação Americana de Pediatria como uma medida de segurança, que previne a ocorrência da morte súbita, como eu expliquei nesse post). Se você optou por esse caminho, provavelmente deseja que essa adaptação no cômodo, necessária para acomodar o bebê, seja feita sem deixar o quarto dos pais com aquela cara de improvisação, não é mesmo? Pois saiba: é possível, sim, abrir espaço para o filhote, e ainda ter um espaço funcional e bonito!

Essa aliás, era a preocupação de uma leitora do blog, que me mandou uma mensagem super meiga, pedindo que eu fizesse uma seleção de ideias bacanas para decorar um quarto compartilhado entre pais e filhos. E por isso eu fiz esse post, mostrando que dá para combinar os itens da criança com os dos pais, e fazer o quarto parecer que já foi pensado para acomodar um berço. Gostou? Então vem ver algumas ideias bacanas!

Esse quarto compartilhado com o bebê recebeu bandeiras, uma estante e uma girafa! O objetivo era deixar a decoração descontraída (mas repare que os objetos do bebê combinam com a cor neutra da cama do casal e do tapete pré-existentes).

Publicidade

Observe que pelúcias e móbiles ocupam pouco espaço e são opções para combinar a decoração adulta com a infantil. E mais vez a girafinha aparece (ela está fazendo o maior sucesso entre os pais do exterior! Quem sabe a moda chega aqui no Brasil!

Não necessariamente a cor do berço precisa acompanhar o tom dos outros móveis do cômodo. Mas estar em sintonia com a decoração, em geral, deixa o ambiente harmônico (aqui ela acompanha o piso de madeira escura).

Já pensou em fazer um quarto compartilhado entre pais e filhos com uma decoração moderna? Olha como fica interessante!

Publicidade

Você não precisa espalhar brinquedos pelo quarto do casal para acomodar o recém-nascido (até porque ele não brinca muito nos primeiros meses, não é mesmo?). Aqui o móbile deu um ar romântico ao quarto, sem deixa-lo muito infantil.

Quer uma sugestão que faz sucesso sempre? Coordenar as roupas de cama e os lençóis do berço! Fica lindo!

Outra dica para você não errar na decoração: tons pastéis são coringa para decorar um quarto compartilhado!

Publicidade

Aqui uma poltrona mais requintada, que poderá ser usada até mesmo quando o bebê tiver seu próprio quarto, serve de poltrona de amamentação. Amei!

Você pode reformar um móvel antigo e pinta-lo em tom pastel, para acomodar as roupinhas do bebê.

Letras também são uma forma criativa de decorar um quarto compartilhado entre pais e bebê (você pode colocar a inicial de cada integrante da família sobre a cama e o berço!). E por que não se render às pelúcias na sua cama também? Aposto que muitas mães vão adorar a ideia! Com um pequenino ali, está liberado!

Aqui os pais optaram por colocar um berço na mesma cor dos criados-mudos.

Nesse quarto as bolinhas estampando o trocador e o colchão do berço combinaram com o ar já retrô do quarto. Dessa forma a decoração ficou muito alegre!

Enfeites na parede, próximos ao berço, não ocupam espaço e agregam o toque infantil ao quarto compartilhado.

Um berço acoplado à cama, no melhor estilo co-sleeping, é outra opção (e pode ser ainda uma peça decorativa, como esse modelo com formato de carrinho de bebê).

Um adesivo sobre o berço, como esse das asinhas, pode dar um toque especial à decoração.

Se seu quarto já for colorido, invista em um berço branco, que combina com tudo!

Imagem: http://www.kidsroomix.com

Como esse quarto não era grande, foi adaptado com prateleiras na parede para comportar um berço. Assim não há a necessidade de criado-mudo, o que poupa bastante espaço!

Há pais que gostam de fazer contraste, optando por um berço e uma poltrona de amamentação com cor oposta à da cama do casal.

Não é exatamente o mesmo gosto, mas não é que certas misturas de cores e estampas acabam funcionando?

Vai dizer que alguém aqui perdeu a individualidade? Na dúvida, opte pelo neutro! | Imagem: http://pinterest.com

Para mim, um quarto compartilhado absolutamente lindo! Adorei a combinação de papéis de parede e dos móveis neutros. Assim o espaço continua sendo muito gostoso de ser usado pelos adultos.