Como escolher o biquíni ideal para valorizar ainda mais seu corpo e arrasar neste verão se sentindo muito mais confortável e confiante? Vamos te mostrar nesse artigo!

Sabemos que o verão está chegando e muitas pessoas aproveitam essa época do ano para ir se refrescar na praia ou na piscina, não é mesmo?

E é natural que as mulheres queiram estar lindas e se sentindo bem para aproveitar muito – e isso inclui escolher uma roupa de banho que valorize seus corpos.

Mas encontrar o biquíni ideal pode ser uma tarefa desafiadora! Afinal, com tantos tipos de cores, estampas, tecidos e modelos no mercado, pode ficar difícil achar aquela peça que valoriza (ainda mais) o corpo.

Publicidade

Mas como escolher o biquíni ideal para o seu corpo? Primeiro de tudo, identifique em qual tipo de corpo você encaixa, já que existem vários. Confira abaixo!

biquíni ideal

Duas jovens com roupas de banho e óculos de sol, posando para foto. A moça da esquerda usa biquíni branco e a da direita maiô preto. Fundo azul. Foto: Freepik

O corpo feminino é diferenciado em cinco principais biótipos. E antes de comprar qualquer peça toda mulher deve entender em qual deles se encaixa e a peça que mais irá valoriza-lo. São eles:

  • A – Triângulo ou Pêra
  • Y – Triângulo Invertido
  • X – Ampulheta
  • H – Retângulo
  • O – Oval

Como escolher o biquíni ideal para o seu tipo de corpo?

Este ano, a moda praia trouxe muitas tendências fashionistas para o closet praiano, e com tanta novidade assim precisamos nos atentar ao que realmente valoriza o nosso corpo ou não.

Escolher o biquíni certo para o seu tipo de corpo não é tarefa fácil… Mas com algumas dicas valiosas, você consegue realçar o que tem de melhor e disfarçar as áreas indesejadas.

Tipo A – Triângulo ou Pêra

Nesse tipo de corpo o foco são os quadris. A mulher possui o quadril mais largo e maior que os ombros. Geralmente os seios são pequenos, fazendo com que a parte inferior do corpo chame ainda mais atenção.

Publicidade

DICA: Tons mais neutros e lisos são ideais na parte de baixo, deixe as estampas para a parte do busto e uso o bojo como um aliado, assim dará a impressão de seios maiores e irá harmonizar o visual. 

Por fim, evite biquínis com amarrações laterais e opte por aqueles com laterais mais largas.

Tipo Y – Triângulo Invertido

Mulheres com este tipo de corpo possuem mais volume na parte superior do corpo, pois os ombros são mais largos que a cintura e o quadril .

DICA: O ideal é trabalhar volumes na parte de baixo. Abuse de cores, estampas, drapeados e calcinha com amarração lateral, com isso você vai criar a ilusão de um corpo equilibrado. Suavize a parte superior do corpo, a melhor opção são os modelos com alças finas ou sem alça.

Tipo X – Ampulheta

Esse é o tipo de corpo mais comum entre as brasileiras, conhecido também como corpo violão. Os ombros e quadris possuem a mesma proporção e a cintura é bem acentuada e marcada.

DICA: Mulheres com o corpo ampulheta tem a liberdade de usar qualquer biquíni. Os modelos cortininha ajudam a valorizar ainda mais as curvas deste biótipo.

Publicidade

A única dica é evitar os extremos na parte de baixo da peça, o fio dental pode não valorizar o visual e laterais muito largas vão fazer com que se perca a harmonização do corpo e os quadris fiquem em evidência.

Tipo H – Retângulo

Mulheres com esse corpo possuem as formas bem equilibradas. Grande parte das modelos e meninas altas e magras se encaixa neste biótipo.

A medida dos ombros, cintura e quadril são praticamente as mesmas, a cintura geralmente é pouco marcada.

DICA: O ideal aqui é criar a ilusão de uma cintura mais fina e marcada. No busto o uso de decotes triangulares, cores vivas, estampas e amarrações frontais estão super liberados. A dica para a parte inferior do corpo são peças com drapeados, amarração lateral ou as hot pants.

Tipo O – Oval

Esse tipo de corpo está associado a mulheres onde o peso do visual está na região central do corpo, ou seja, a barriga que já é a maior medida do corpo fica ainda mais em evidência. O tamanho dos ombros e do quadril pode variar de pessoa para pessoa.

Porém um ponto super importante que devemos evidenciar é que nem toda mulher que esta um pouco acima do peso possui o corpo oval. Apenas aquelas onde a medida dos ombros e quadril seja menor que a medida da cintura possui esse biótipo.

Em outras palavras, saiba que existem modelos de biquíni plus sizes lindas com o corpo tipo A ou X.

DICA: Neste biótipo o principal é tirar o foco da região central do corpo. Use a abuse de biquínis de cintura alta ou com faixas laterais largas, assim você cria a impressão de cintura mais fina. No busto procure sempre por alças mais largas para aumentar a sustentação dos seios.

biquíni ideal

Mulher loira com biquíni vermelho tomara-que-caia e chapéu branco. Fundo laranja. Foto: Freepik

Biquíni ideal para quem tem busto grande

Se você possui seios grandes, prefira o biquíni meia-taça ou com amarração na parte da frente, que valorizam o colo e dão sustentação. Alças grossas aliviam o peso dos seios fartos.

Se não consegue abrir mão da cortininha, certifique-se de que cubra bem o busto para que os seios não fiquem esparramados.

Outra opção para quem gosta de alças finas é o top com laterais grossas, que equilibram a distribuição do peso.

E para quem tem busto pequeno?

O biquíni cortininha é o melhor amigo dos seios pequenos. Os modelos com bojo e ripple ajudam a dar sensação de mais volume. Tomara-que-caia também, desde que tenha bojo já que os que não possuem bojo desvalorizam os seios.

Em seguida, modelos top cropped e ciganinha também são perfeitos para valorizar bustos pequenos. Drapeados, franzidos, babados, franjas e bordados dão a ideia de mais volume.

Por fim, abuse de tops com cores vivas e estampas grandes.

Gordinhas

O biquíni ideal para essa silhueta precisa ter detalhes que direcionem o olhar para o busto ou para o quadril. Os maiôs com decote V são ideais para criar uma linha vertical na área do busto e alongar a silhueta.

Os sunquínis (biquínis de cintura alta) e as hot pants também são uma opção.  Para não marcar os pneus e as gordurinhas laterais, tome cuidado para que as peças não estejam apertadas.

Além disso, é bom evitar estampas marcantes e prefira tonalidades escuras.

Biquíni ideal para as atléticas e musculosas

Corpos atléticos geralmente possuem pouca cintura. Cortininhas, calcinhas de lacinho, maiôs com recortes e cavados valorizam os músculos e dão a impressão de cintura fina.

Por outro lado, evite maiôs retos. Não há muitas restrições nesse caso e o tamanho do busto vai determinar qual o biquíni perfeito.

Magra sem barriga

Primeiramente, para as magrinhas a ideia é criar a ilusão de curvas. Nesse caso, o sutiã cortininha é o mais indicado e os maiôs tomara-que-caia e com recortes laterais também são boas escolhas.

Cores claras, listras horizontais e estampas vistosas estão liberadas tanto no top quanto na calcinha. Calcinhas de cintura baixa valorizam a barriga chapada.

Magrinha com barriga

Se você quer disfarçar aqueles pneuzinhos, usa calcinhas com laterais largas e biquínis transpassados. Os sunquínis e hot pants também caem bem.

Mas, saiba que as calcinhas de lacinho devem ser evitadas, assim como cores claras, estampas grandes e de listras horizontais.

Por outro lado, os maiôs com recortes ou engana mamãe valorizam a silhueta e escondem a barriguinha.

Mulher de maio rosa – Foto Freepik

Como cuidar do seu biquíni ideal? Veja abaixo os cuidados!

Antes de mais nada, alguns cuidados básicos ajudam a prolongar a vida útil do seu biquíni.

Após a praia ou a piscina, lave bem o biquíni com um sabão neutro e água fria para retirar o sal, a areia ou o cloro.

Ah! Jamais guarde o biquíni molhado para não desbotar e manchar. Deixe-o secar à sombra e, para guardar, dobre-o de acordo com o formato natural e com cuidado para não danificar o bojo.

Além disso, aplique o filtro solar e o óleo bronzeador antes de vestir o biquíni para evitar manchas. Para que não surja bolinhas no tecido, não friccione a peça em superfícies ásperas, como pedras.

Seguindo essas dicas, seu biquíni ideal irá durar muito mais!

Como escolher o biquíni ideal?

Esperamos que tenha gostado das nossas dicas e usa elas para escolher uma peça que te valorize (mais ainda!) e faça você se sentir bem.

Lembre-se: é a peça que tem que se encaixar em nosso corpo, e não nosso corpo que tem que se encaixar na peça. O importante é ser feliz e se sentir bem consigo mesmo!

Já viu como escolher o biquíni ideal para você arrasar neste verão? Então aproveite para ler também outros assuntos, como:

Até a próxima!