Certamente uma das maiores emoções que se pode sentir na vida é o nascimento de um filho. Eu me lembro de olhar para meu marido no momento exato em que minha filha Catarina chegava ao mundo e ouvir suas palavras: “Meu Deus, é um milagre!”. Não me esquecerei nunca desse instante, nem que se passem 100 anos! Por outro lado, muitos dos minutos do primeiro dia da pequena  já foram esquecidos – talvez porque o cansaço do parto tenha batido (como entrei em trabalho de parto no início da madrugada, passei a noite inteira em claro), ou porque o primeiro momento tenha sido tão intenso, que parece ter ocupado toda a memória disponível para gravar aquele 14 de dezembro.

Hoje eu vejo como as fotos do primeiro dia do bebê são importantes, pois são apenas três anos desde o nascimento de Catarina e já tenho que recorrer a elas para reviver tudo o que vivemos com sua chegada. Se você também é mãe ou pai, sabe que a cada ano que passa o carinho que temos pelas imagens parece aumentar, porque os filhos crescem e queremos guardar no fundo do coração cada fase, cada gesto, cada sorriso! Por isso, fiz uma seleção das 10 fotos do primeiro dia do bebê que não podem faltar no seu álbum. E se você achar que existem outras que deveriam fazer parte da lista, deixe sua sugestão, combinado?

1 – A primeira foto com papai e mamãe: entre lágrimas e sorrisos, lá estarão os pais orgulhosos e maravilhados, vendo o filhote que acabara de nascer. É a foto do amor à primeira vista (ou será que o amor vem bem antes desse instante?).

Arquivo pessoal

Arquivo pessoal

Publicidade

 

2 – Na balança: em poucos anos ele será quase impossível de carregar. Então guarde para lembrar como o pequeno era levinho!

Fonte: http://www.eilasblog.com/

Fonte: http://www.eilasblog.com/

 

3 – A primeira mamada: nessa hora, não é só leite ou colostro que sai da mãe. É o sentimento de doação por inteiro!

Fonte: birthwithoutfearblog.com

Fonte: birthwithoutfearblog.com

Publicidade

 

4 – O bebê e os irmãos: eles poderão brigar, mas provavelmente serão grandes companheiros para a vida toda! Como deixar de registrar o início dessa grande amizade?

Fonte: http://kevansphotography.blogspot.com.br/

Fonte: http://kevansphotography.blogspot.com.br/

 

5 – O bebê com os avós: não são apenas os pais que estão completamente comovidos nesse dia. Os avós estão duplamente emocionados, pela felicidade de seus filhos e pela chegada de um presente, na forma de neto!

Fonte: http://brittanygphotography.com/

Fonte: http://brittanygphotography.com/

Publicidade

 

6 – A primeira careta: não importa se o bebê nasceu “com cara de joelho”, porque ele é seu filho, e será sempre lindo! Fazendo careta, então, nem se fala, é de arrasar corações!

Fonte: http://lindseyortonphotography.com/

Fonte: http://lindseyortonphotography.com/

 

7 – Os pezinhos: tem coisa mais gostosa do que pé de bebê? Se possível, guarde uma foto também da impressão no papel que é feita quando o pé do bebê é pintado com tinta para o documento de identificação.

Fonte: http://sfisherphotography.com/

Fonte: http://sfisherphotography.com/

Fonte: http://chaosandfamilyblog.blogspot.com.br/

Fonte: http://chaosandfamilyblog.blogspot.com.br/

 

8 – A identificação do braço: por via das dúvidas, eu tirei a foto e depois guardei a pulserinha! Juro para vocês que até hoje sinto cheirinho de bebê nela (mas acho que só nariz de mãe é que consegue sentir!).

Fonte: http://kevansphotography.blogspot.com.br/

Fonte: http://kevansphotography.blogspot.com.br/

 

9 – Dormindo como um anjo: outro dia vi nas redes sociais uma frase muito engraçada: “quem inventou a expressão dormindo como um bebê não tem a menor ideia do que estava falando!”. É é isso mesmo, porque nos primeiros meses eles acordam a noite toda! Quando você se desesperar, recorra a essa foto e acredite: uma hora ele dorme!

Fonte: http://www.kwellsphotography.blogspot.com.br/

Fonte: http://www.kwellsphotography.blogspot.com.br/

 

10 – Segurando sua mão: incrível como eles já nascem com o reflexo de agarrar, mesmo com mãozinhas tão pequeninas! Essa é a foto para morrer de amor (tão indefeso e ao mesmo tempo tão forte, com tanta vontade de viver!).

Fonte: http://www.ellenvphotography.com/

Fonte: http://www.ellenvphotography.com/