Aulas de circo para crianças: Com tantos atrativos em telas, smartphones, tablets, videogames e televisão, o sedentarismo tem se tornado um fator de risco no desenvolvimento de crianças e adolescentes. Além de ser causa de diversas doenças na vida adulta! 

Segundo uma pesquisa feita Sociedade Brasileira de Pediatria em 2017, cerca de 7,3% das crianças com menos de 5 anos já estão acima do peso. O documento também aborda as necessidades de estímulos para cada idade. Até 2 anos de idade, as crianças precisam ser incentivadas a engatinhar, buscar objetos e evitar eletrônicos. De 3 a 5 anos, as brincadeiras devem ter pelo menos duas horas e meia reservadas na rotina do pequeno. 

A dificuldade dos pais ainda costuma ser encontrar atividades que as crianças realmente se interessem. Muitas vezes, a educação física na escola não é o bastante. Uma rotina de exercícios e brincadeiras à parte é necessária. Lembrando que, com o corpo ainda em formação, academias e musculação não são recomendadas para os pequenos. É necessário optar por modalidades mais lúdicas e divertidas, com por exemplo, o circo! 

Como são as aulas de circo para crianças? 

Menina loira de collant azul segurando pano vermelho. Foto: Freepik

Publicidade

A visita ao circo costuma ser um marco na vida das crianças! O picadeiro, as contorcionistas, o mágico. Todos são personagens que chamam atenção das crianças e, para algumas delas, fazem parte de seu desenvolvimento lúdico. Casar isso com o momento do exercício físico e da brincadeira é a fórmula para o sucesso. 

As aulas costumam ser em grupo e apresentam diversas atividades como malabarismo, acrobacias, trapézio e até interpretação de palhaços. Os benefícios das aulas de circo para crianças são psicológicos e físicos. Afinal, os exercícios ajudam os pequenos a trabalharem força, resistência, flexibilidade, coordenação motora e reflexos. Enquanto o circo, como arte, ajuda as crianças a se autoconhecer e colocar para fora sentimentos e expressões que muitas vezes elas ainda não conseguem expressar em palavras. 

A partir de que idade é recomendado as aulas de circo?

aulas de circo

Quatro crianças de idades diferentes com fantasias circenses. Foto: Freepik

A faixa etária pode depender da escola, mas a partir dos 3 anos de idade já é possível incluir o circo como uma atividade de lazer e física na rotina da criança. As aulas não possuem restrição de sexo e são uma ótima opção para crianças com deficiência, por causa de seu alto poder social e físico. 

O recomendado são dinâmicas de até 40 minutos, ou uma hora, duas vezes por semana. Com diferentes exercícios para atenção, flexibilidade, coordenação motora, com instrumentos circenses como argolas, bolinhas, tecido acrobático, bambolês e perna de pau. 

Como escolher a escola de circo certa para meu filho?

Dois palhaços sorridentes em fundo colorido. Foto: Freepik

Publicidade

Como as atividades podem lidar com acrobacias e alturas, é importante escolher uma escola de confiança e com os materiais necessários para dar o apoio às crianças. Na hora de consultar as escolas, certifique-se de que os profissionais sejam capacitados e o espaço tenha um bom equipamento de segurança, em boa qualidade. Dê preferência para instituições voltadas para o desenvolvimento infantil, onda há um planejamento pedagógico para as crianças dentro das atividades. Acompanhe seu filho, se necessário, nas primeiras aulas para entender o processo e dar segurança ao pequeno e incentive-o!