Dicas para evitar o desperdício de alimentos (e, com crianças, isso pode acontecer bastante!)

Por 0 Comentários


Evitar o desperdício de alimentos é um hábito que, como pais, temos de ensinar desde cedo. Ainda mais nos dias de hoje que têm deixado claro que o consumo alimentar consciente não é somente uma questão de economia doméstica, mas sim um comportamento essencial para a preservação do planeta. Informações não faltam para entendermos que o problema é grave e que a responsabilidade pela mudança é coletiva, não é mesmo?

A gente sabe que, com crianças em casa, o risco de exagerar no mercado, comprar o que não deve, encher os pratos além da conta, largar por aí alimentos consumidos pela metade e, literalmente, jogar comida boa no lixo é muito grande. E temos que admitir que, como consumidores, nós todos também somos responsáveis pelo sério impacto gerado pelo desperdício alimentar. A boa notícia é que, ao desempenhar esse papel, temos também o poder de contribuir para mudar esse quadro. Então, vamos à luta! Com algumas atitudes práticas, dá sim para fazermos a nossa parte.

desperdicio de alimentos

Imagem: 123RF

Hábitos simples que fazem a diferença

Estamos ajudando a reduzir o desperdício quando:

PLANEJAMOS O QUE COMPRAR COM CONSCIÊNCIA
Fazemos isso quando escolhemos produtos verificando o seu prazo de validade e, principalmente, quando compramos sem excessos, de acordo com o real consumo familiar.

DAMOS PREFERÊNCIA A ALIMENTOS DA ÉPOCA
Consumir alimentos da safra só tem vantagens: eles carregam menos agrotóxicos, são mais baratos e têm sabor mais intenso, o que faz com que todo mundo queira devorá-los rapidinho.

PRESTIGIAMOS OS PRODUTORES LOCAIS
Comprar de quem mora em sua região evita impactos ambientais e outros problemas decorrentes do transporte, como a durabilidade dos alimentos.

ZELAMOS PELO ARMAZENAMENTO DOS PRODUTOS
Respeitar as adequadas recomendações de conservação de cada tipo de alimento garante sua maior durabilidade, evitando, assim, aquela coisa péssima de jogar alimento intacto no lixo, sabe?

FAZEMOS O APROVEITAMENTO INTEGRAL DOS ALIMENTOS

Utilizar, no preparo das receitas, partes das hortaliças e frutas que costumam ser descartadas, como talos, sementes e cascas é uma ideia incrível, que rende pratos deliciosos e muito dinheiro poupado. Veja aqui um guia com receitas ótimas!

Desperdício de alimentos em números: é chocante!

Veja abaixo mais algumas informações impressionantes sobre o desperdício de alimentos.

  • 30% de todo o alimento que produzimos vai para o lixo.
  • 1,3 bilhão de toneladas de alimentos são perdidos ou descartados por ano no mundo todo.
  • A comida desperdiçada nos Estados Unidos e Europa em um ano daria para alimentar 3 vezes toda a população mundial pelo mesmo período.
  • 41 mil toneladas de alimentos são desperdiçadas diariamente no Brasil. Uma quantidade suficiente para alimentar 25 milhões de pessoas.
  • Em um ano, a água utilizada para produzir a comida que é jogada fora ao redor do mundo poderia encher 70 milhões de piscinas olímpicas.
  • Cada brasileiro compra 37 kg de hortaliças por ano e descarta 28 kg delas.

Fontes: Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), Instituto Akatu e Embrapa.

Conhecer para conscientizar!

Quando nos dedicamos a conhecer o alimento e a entender o caminho que ele percorre até chegar à nossa mesa, tendemos a valorizá-lo. E, assim, passamos a ter mais cuidado para aproveitá-lo da melhor maneira. Para entender de que maneira algo tão essencial para a vida humana acaba se convertendo em lixo, vale a pena assistir ao vídeo abaixo, Desperdício de Alimentos, produzido pelo Instituto Akatu.

___

Você também pode gostar desses posts aqui:

O que a crise hídrica tem a nos ensinar sobre como educar nossos filhos

Como fazer o enxoval render: 5 dicas para você prolongar o tempo de uso do seu enxoval e economizar


 



Arquivado em: AlimentaçãoDicas de mãeVida sustentável Tags:

Deixe seu comentário