Os 20 melhores livros infantis para bebês de 0 a 2 anos!

Por 0 Comentários


Todo mundo que acompanha o blog há tempos sabe que eu sou louca por livros. Aqui o estímulo à literatura começou cedo: Catarina ganhou seus primeiros livrinhos antes de completar 1 ano! E vejo que muitas mães compartilham dessa mesma ideia: por isso, no post de hoje, eu fiz uma seleção dos 20 melhores livros infantis para bebês de 0 a 2 anos!

Mas como escolher os melhores livros infantis para bebês? Realmente essa é uma tarefa difícil, e para realiza-la eu levei algumas coisas em consideração. Procurei apresentar vários tipos de livros: alguns que ajudam a aumentar o vocabulário do bebê, outros que sejam divertidos (e que possam ser explorados no banho, por exemplo), e mais alguns que tragam histórias cativantes e de fácil compreensão para os pequeninos. Vem dar uma espiada nessa listinha e deixe nos comentários os seus livros de bebê preferidos também!

Os 20 melhores livros infantis para bebês de 0 a 2 anos!

Gildo – Coleção Primeiros Livros: você já ouviu falar do Gildo? Ele é um elefantinho muito fofo, de uma série de livros infantis. Nessa coleção aqui (que vem com 3 livros para bebês), o Gildo ensina as cores, os números e os opostos (Cacá amava os opostos, ficava encantada ao perceber as diferenças quando era pequenininha!). Para ser uma das primeiras coleções do seu filho, e iniciar a biblioteca dele! Veja aqui onde comprar.

Uma lagarta muito comilona: um dos livros infantis que mais me encanta! A história é uma graça, e uma das que Cacá mais gosta! A cada página, a lagarta conta o que aconteceu em sua semana: na segunda, na terça, na quarta… Será que você adivinha o que acontece no fim da semana? Uma grande surpresa que seu filho vai amar! Saiba onde comprar aqui. Observação: há também uma versão Baby Book, mas ela não traz a história completa, fala de cores e formas, ok?

Meninos gostam de azul, meninas gostam de rosa. Ou não? Esse é um ebook lindo, com ilustrações bem coloridas e texto simples, perfeito para essa faixa etária. Ele traz uma questão super atual: o de que meninos podem gostar de cozinhar (já imaginou se seu filho for um grand chef quando crescer?), de dançar, de estudar… Enquanto meninas podem amar construir (será que você tem uma engenheira em casa?), jogar futebol, e um monte de outras coisas que sempre foram chamadas de coisas de menino. Legal para entreter o filho em qualquer lugar, pois pode ser acessado em tablets ou celulares (Android ou Apple). Um dos finalistas do prêmio Amazon da FLIP em 2018, por isso em 2019 está com preço promocional de apenas R$2,99. Veja aqui onde comprar.

O bebê que sabia brincar: você foi fã do Menino Maluquinho quando era criança? Pois agora é a vez do seu filho ser! Dessa vez o Maluquinho ainda é bebê, e mostra que já era diferente mesmo pequenino, encontrando formas muito diferentes de brincar! Daqueles livros que você se diverte junto lendo (e cá entre nós, isso é fundamental para seu filho perceber como é gostoso ler!). Veja aqui onde comprar.

O balde das chupetas: um livro infantil super gracioso para a fase em que o bebê está deixando a chupeta! Na história, o menino Joca está vivendo exatamente isso, e certamente seu filho irá se identificar com ele! Um incentivo extra para deixar o acessório, que é tão querido pelos pequenos. Eu acredito que se o Joca conseguiu, seu filho sentirá que consegue também! Veja aqui onde comprar.

A Princesa Polly e seu penico: um livro infantil super legal para estimular a menininha a usar o penico. Além da história ser bonitinha, o livro vem com um botão para comemorar todas as vezes em que sua filha consegue usar o acessório (grande sacada!). Dica que mães de meninas me deram para o desfralde, e que eu assino embaixo! Veja aqui onde comprar.

Cocô no trono: o livro perfeito para o bebê que não gosta muito de fazer o cocô no penico. A história é tão engraçada, que talvez com ela você consiga fazer o pequeno tentar usar o peniquinho! No enredo, um pintinho faz graça de outros bichinhos que já aprenderam a “usar o trono”. Mas ele mesmo ainda não sabe, claro! Mas tenha fé, que no final ele aprende,e seu filho vai ajuda-lo a apertar a descarga com um botãozinho! Veja aqui onde comprar.

Eu grande, você pequenininho: um livro que fala das diferenças entre pai e filho, e principalmente do amor entre eles! E de um jeito que seu filho, por menor que seja, irá entender muito bem! Amo para a fase de 1 aninho, em que o bebê começa a perceber o tamanho das coisas, das pessoas, e a fazer comparações entre elas (e até com mamãe e papai, pode perceber!). Veja aqui onde comprar.

Que som é esse? – Fazenda: não sei se você já percebeu, mas bebês simplesmente amam coisas da fazenda! Acho que para eles a natureza é especialmente interessante! Nesse livro infantil para bebês, feito em papel cartonado, os pequeninos descobrem os sons dos animais da fazenda e de outros bichinhos. Atrai bastante os bebezinhos de 0 a 1 ano! Veja mais aqui.

Cãezinhos – animais bebês (coleção toque e sinta): o maior barato desse livro infantil para bebês é a textura que ele oferece. Assim, o pequeno começa a desenvolver amor pelos bichos, e sente como se estivesse fazendo um carinho nele. A coleção é grande, e se você procurar encontrará também o livro dos gatinhos, dos coelhos e dos pintinhos (todos fofos!). Para os bem pequenininhos (inclusive antes do primeiro aniversário!). Veja aqui onde comprar.

 

100 Primeiras Palavras: quando a Cacá era bebê, demorou bastante para falar. Quando ela completou 2 anos de idade, falava só umas 10 palavras, juro para vocês! Aí eu tive a ideia de comprar um livro com muita palavras, e ir mostrando para ela. Por mais que ela não falasse na hora, era um momento em que eu sentia que estava ampliando seu vocabulário, e despertando-a para os livros. Recomendo essa versão, que é bem completinha e bonita! Veja aqui onde comprar.

Deus criou o mundo: esse é um livrinho de pano bem bacana para bebês, com histórias como a da Arca de Noé. Se a espiritualidade faz parte da sua família, acredito que seja uma ótima forma de começar a abordar o assunto com os pequenos. Veja aqui onde comprar.

Minha mamãe – coleção Peppa: eu não concordo com quem diz que livro interessante não pode ter personagens da TV. Claro que pode! Acredito que tudo o que atrai os pequenos para a leitura é válido – e por que não usar a Peppa para isso, se seu filho adora? Esse é um livro infantil para bebês bem meiguinho, que mostra tudo o que a personagem ama na sua mamãe Pig. Legal que a capa é dura e o livro dura mais. Veja aqui onde comprar (aposto que seu filho vai amar). Ah, e se quiser levar o do Papai Pig junto (chame seu marido para ler para o pequeno!), o link é esse aqui.

Já sou grande – olha o que eu já sei fazer!: Catarina ganhou esse livro com 2 anos, e foi o maior sucesso! Tanto que ele continua sendo um livro infantil para bebês que vendem muito bem. Ele é perfeito para essa fase do pequeno, em que ele começa a ganhar maior autonomia: começa a se vestir sozinho, já sabe comer sem ajuda, aprende a fazer xixi sem a fralda… Era muito bacana porque, a cada conquista que a Cacá fazia, ela corria para o livro e falava: “mãe, eu também já sei fazer isso!”. E nós comemorávamos o fato de que ela estava crescendo! Veja aqui onde comprar.

Tudo bem ser diferente: um dos livros infantis que eu mais amo em toda a vida! Por vários motivos: porque a linguagem é fácil, os desenhos são coloridos e cativam o olhar do bebê e da criança à primeira vista (aliás, todos os livros do Todd Parr são assim!), e principalmente pela mensagem – de que todos são diferentes e que merecem respeito. Tudo bem ter orelhas grandes, usar óculos, ter uma cor diferente, não ter cabelo, ser adotivo, precisar de ajuda, chegar em último lugar, e muito mais. Um livro para ser um dos primeiros do seu filho, e para ele guardar para sempre! Veja aqui onde comprar.

O Coelhinho que queria dormir: embora aqui o livro não tenha funcionado exatamente como era a ideia, MUITAS leitoras do blog já me escreveram dizendo que o filho realmente começou a dormir melhor com ele! Com a história do coelhinho que queria dormir mas não conseguia, contada do jeitinho certo (que é ensinado no início pelo autor, que é um terapeuta sueco), muitos pequeninos agarram no sono antes do livro terminar. Vale ao menos tentar! Veja aqui onde comprar.

O bebê da cabeça aos pés: se seu filho tem 2 aninhos, certamente já começou a reparar com mais intensidade na partes do corpo. É isso, inclusive, um dos sinais de que ele está pronto para o desfralde. Mas esse livro infantil para bebês tem um enfoque diferente: ele estimula seu filho a descobrir seu corpinho, e a nomea-lo. Boa dica para estimular o desenvolvimento do pequeno. Veja aqui onde comprar.

Onde é que eu vou dormir?: ah, um livro que seu filho vai amar, e você também! Sabe por quê? Porque ele conta a história do Pedro, um menininho que só dorme na cama dos pais dele! Já ouviu algo parecido por aí também? Pois é, acontece em muitas famílias! Só que, claro, o livro traz um final muito fofo, em que o Pedro aprende a gostar do quarto dele (então pode ajudar seu filho a sentir o mesmo! E a saber que os pais estão sempre ali por perto, e que ele pode se sentir seguro!). As ilustrações também são lindas, e as crianças amam! Por todos esses motivos, é um dos grandes sucessos da literatura infantil de 2018! Veja aqui onde comprar.

Marina está do contra: sim, um livro digital na lista dos melhores livros infantis para bebês! E sabe por quê? Porque ele é simplesmente perfeito para os 2 anos, a idade da birra (falei dele aqui)! Marina é uma menininha alegre e inteligente, mas que fica zangada quando não entende certas coisas que acontecem: por que precisa colocar roupa, dividir os brinquedos com o irmãozinho, e tantas outras situações que nossos filhos vivem todos os dias em casa. Trata-se de um livro já consagrado, que agora foi transformado para caber no seu tablet – e acompanha um app para seu filho se divertir brincando com a Marina. Disponível para iPhone e iPad (veja aqui) e também para Android (veja aqui).

O pequeno peixe branco: conheci esse livro quando Cacá trouxe da biblioteca da sua primeira escola. Achei muito meigo, porque conta a história de um peixinho que não sabe onde está sua mãe (quer sentimento mais alinhado com essa fase dos nossos filhos?). Ele começa a procurar, mas só encontra um caranguejo vermelho, um caracol amarelo, uma estrela do mar laranja… Até que encontra a mamãe, que tem todas as cores do arco-íris (fico imaginando a reação interna do bebê quando isso acontece! Deve ser demais!). Um livro infantil singelo e muito bonito! Veja aqui onde comprar.


 



Arquivado em: DiversãoLivros Tags:

Deixe seu comentário