Mãe em casa X Aperfeiçoamento profissional: é possível ter as duas coisas!

Por 0 Comentários


Sempre recebo muitos e-mails de recém-mães que me perguntam como foi o período da minha licença-maternidade e a posterior decisão de mudar minha carreira. E nessas conversas percebo que alguns medos são comuns às mulheres que estão vivenciando essa fase: o de não conseguir retomar o trabalho, porque foram substituídas enquanto estavam em casa, ou o de não se encaixar em um outro modelo de emprego – com mais flexibilidade, para que possam ficar mais próximas de seus pequenos.

Conheço de perto esses sentimentos porque tinha dois empregos quando Catarina nasceu. Em um deles eu havia acabado de começar um projeto que duraria anos. E o receio de não dar conta do recado quando a licença terminasse? Seis meses depois do parto, voltei à vida profissional e, pouco mais de um ano depois, estava largando tudo para me dedicar exclusivamente ao blog (e haja coragem para seguir os próprios sonhos!).

Imagem: 123RF

Imagem: 123RF

Se vocês me perguntarem se há alguma dica para quem sente esses dilemas, eu diria que tudo acaba dando certo. Porque a verdade é que a maternidade nos dá de presente uma vontade tão grande de realizar o que realmente desejamos que tudo acaba sendo possível. Mesmo estando em casa, já pensou na quantidade de coisas que você pode fazer para avançar profissionalmente? Pode gerar um embrião de um negócio próprio, pode se aperfeiçoar, para voltar ao emprego mais preparada e com novas habilidades, ou ainda conseguir um trabalho melhor, com mais tempo para a família (se essa for sua vontade).

No post de hoje, inclusive, eu queria deixar como sugestão a Engoo, uma empresa japonesa que oferece desde 2013 o serviço de aulas particulares de inglês online (eles são pioneiros nesse serviço), com professores internacionais e nativos. Porque, certamente, o aprendizado/aperfeiçoamento da língua inglesa é fundamental para a mãe que pensa em retornar ao emprego em uma boa condição, assim como para aquela que pretende mudar seu rumo profissional e encarar novos desafios.

Existe uma série de vantagens de uma aula particular online em relação a um curso de idiomas, especialmente para quem é mãe e precisa estar em casa boa parte do tempo. No caso da Engoo, como seus professores estão espalhados pelo mundo (são 3.500 professores, de 60 nacionalidades diferentes), há uma flexibilidade de horário imensa – você pode marcar sua aula em qualquer horário do dia, 7 dias por semana. E você não perde tempo com deslocamento, pode adequar suas aulas aos períodos de sono do bebê (coisa que não é possível fazendo um curso de idiomas convencional).

Outro diferencial da Engoo é que as aulas são de apenas 25 minutos diários (há também planos de 50 ou 75 minutos, para as mães que querem um treino intensivo), e sem compromisso de pagar um semestre, ou um ano (é ótimo para que você possa testar, e ver se funciona para sua rotina). Você acerta apenas o mês de aula, e, gostando, contrata mais conforme sua necessidade (sem multa rescisória, ou outras burocracias). O resultado também é muito mais bacana, porque são aulas individuais, nas quais o professor estará totalmente focado no seu aprendizado (e para muitas pessoas é mais fácil treinar a fluência e se sentir à vontade conversando por Skype do que em uma sala cheia de alunos, não é verdade?). E a qualidade dos professores é garantida, porque a ideia não é fazer uma simples intermediação do serviço de um professor – todos os profissionais que trabalham na plataforma passaram por um processo seletivo e podem contar com material didático desenvolvido internamente.

Achei bem interessante a proposta (principalmente porque o custo é acessível, mais em conta do que muitas escolas de inglês tradicionais ou até mesmo um professor particular). E se cadastrando no site da Engoo, automaticamente você ganha duas aulas para testar.

Dá uma espiada no site (quem sabe não é uma forma de realizar seus sonhos pós-maternidade?): https://engoo.com.br

selo




Arquivado em: Publieditorial Tags:

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail