O nascimento é um episódio que transforma a vida de todos os envolvidos e, nesse momento, é importante fortalecer o vínculo com o seu bebê.

O afeto e carinho devem fazer parte da rotina desde os primeiros momentos após o nascimento da criança.

Isso é extremamente positivo para todos os envolvidos, principalmente para o próprio bebê, que se sente protegido e se desenvolve de maneira adequada.

A puérpera também se beneficia disso, uma vez que o contato com a criança dispara a sua cascata hormonal, favorecendo o bem estar e estimulando o cuidado.

Publicidade

Entre mãe e filho, geralmente o vínculo se inicia imediatamente, desde o primeiro olhar. No entanto, é preciso alimentar esse sentimento dia após dia para que ele se fortaleça.

Então, se você quer saber como fortalecer o vínculo com o seu bebê, continue por aqui e leia este artigo  até o final.

Melhores dicas de como fortalecer o vínculo com o seu bebê

Fortalecer o vínculo com o bebê é muito importante, mas se você não sabe bem como fazer isso, dê uma olhada nas dicas a seguir:

1. Amamentação

Quando a mulher deseja amamentar, é importante que ela se prepare bem para isso e comece a obter informações sobre o assunto desde a gestação.

Para a maioria das mães de primeira viagem, a amamentação se torna um desafio, com várias barreiras que devem ser vencidas.

Publicidade

Mas quando tudo se ajeita, os benefícios vão muito além da alimentação da criança. O leite materno é cheio de anticorpos que ajudam a compor as defesas dos pequenos, mas não é só isso.

A amamentação é a melhor maneira de fortalecer o vínculo com o seu bebê, pois esse é um momento de proteção e contato físico muito intenso.

Além disso, existe a questão hormonal, pois é justamente esse contato e relaxamento que contribui para a liberação da ocitocina.

E a criança se sente extremamente protegida, amparada e amada nesse momento. Há ainda uma enorme tendência ao relaxamento, que faz com que o bebê muitas vezes adormeça.

2. Faça com que a hora da comida seja especial

Se você por algum motivo não puder amamentar o seu bebê, pode aproveitar o momento da mamadeira para intensificar a relação com ele.

Ofereça colo, converse, cante e faça carícias no pequeno para que ele se sinta acolhido e aproveite ao máximo essa hora.

Publicidade

Isso deve continuar mesmo depois que a criança for maior. A família toda pode aproveitar o momento das refeições para passar tempo junto, conversar e até brincar quando possível.

Sentar-se à mesa pode ajudar o bebê e os adultos a focar mais no que está acontecendo, fortalecendo assim o vínculo e criando um relacionamento mais intenso.

3. Hora do banho e rotina de cuidados

Inevitavelmente todos os bebês precisam ter uma rotina de cuidados, ou seja, devem estar ao lado de um adulto durante grande parte do dia.

Sendo assim, procure usar os momentos do banho, troca de fraldas e demais cuidados, para intensificar o relacionamento com a criança.

Troque olhares, converse, fale carinhosamente e faça brincadeiras e carícias no pequeno. Isso contribui bastante para o bem estar e ainda estimula o pequeno.

4. Hora do sono

Sempre que um bebê precisa de carinho e consolo, é ideal que um adulto esteja ao seu lado para lhe oferecer isso.

Então, a hora de colocar o bebê para dormir é um momento que deve ser especial. Isso é fundamental para aumentar a segurança e acalmar o pequeno.

Em alguns casos, o bebê pode dormir no mesmo quarto dos seus pais. E se todos se sentirem confortáveis com isso, pode-se fazer cama compartilhada, ou seja, levar o bebê para dormir na mesma cama que os pais.

Isso ajuda até mesmo a manter o contato pele a pele, que é tão importante para o bem estar e desenvolvimento.

5. Converse e cante para o bebê

Mesmo que o bebê seja muito pequeno e parece não entender nada do que você diz, conversar com ele pode ajudar a deixá-lo calmo, além de servir como estímulo ao seu desenvolvimento.

Conforme a criança for crescendo, você vai perceber alguns sorrisos e balbucios quando ouvir a sua voz. Isso é maravilhoso e ajuda a fortalecer muito o vínculo entre vocês.

6. Amor e colo à vontade

Muitas pessoas ficam com medo de oferecer colo e amor aos pequenos porque isso os deixaria mimados e mal acostumados.

No entanto, a ciência comprova justamente que as crianças precisam receber muito afeto, atenção e carinho para que se desenvolvam física e psicologicamente bem.

Durante os três primeiros meses, principalmente, o colo é fundamental para que o bebê fique protegido e se sinta bem.

Isso porque ao sair da barriga da mãe, ele tem que aprender a lidar com situações desconhecidas, como medo, frio e fome.

Dessa forma o bebê se sente inseguro e depende do amparo dos adultos que o cercam para que se sinta bem e protegido.

Então, sempre que o bebê chorar, ele deve ser devidamente acolhido e ter as suas necessidades supridas o mais rápido possível.

Mais dicas de como fortalecer o vínculo com o seu bebê

No tópico anterior, você viu algumas dicas de cuidados com a criança que ajudam a fortalecer o vínculo.

Mas existem ainda pequenas ações do dia a dia que podem contribuir para isso. Veja algumas delas a seguir:

  • Olhe nos olhos do seu bebê: o contato visual é muito importante porque demonstra sentimento e ajuda o bebê a confiar cada vez mais em você;
  • Deixe seu celular bem longe: os momentos de cuidado com a criança devem ser exclusivos. Dedique-se de corpo e alma ao seu filho e tenha momentos divertidos em família. Isso faz a criança se sentir importante e fortalece os laços afetivos;
  • Divirtam-se com um espelho: bebês pequenos não sabem o que significa reflexo. Mas eles acham tudo muito interessante. Ver as imagens dos familiares ajuda no processo de reconhecimento;
  • Batimentos cardíacos funcionam como ponte entre vocês: o som dos batimentos cardíacos ajuda a acalmar os bebês. Os adultos também se sentem conectados ao ouvirem o coração da criança;
  • Faça um diário e registre tudo: acompanhar a evolução da criança é uma ótima maneira de manter o vínculo sempre ativo. Você terá que observar o seu bebê para poder relatar o seu desenvolvimento;
  • Tenha uma rotina: seres humanos se dão bem com rotinas. Então, uma família feliz é uma família que tem um cronograma de tarefas bem organizado;
  • Passeios em família: não há nada melhor do que estar em família fazendo alguma coisa divertida. Um passeio no parque, praça ou até mesmo na rua pode deixar todo mundo feliz e conectado;
  • Fotos: observar as fotos do seu bebê pode te ajudar em muito a se conectar a ele. Por isso, não economize e registre todos os sorrisos, poses e brincadeiras para ver sempre que precisar.

Viu só quanta coisa legal dá para fazer e assim fortalecer o vínculo com o seu bebê?

 Conclusão

Saber como fortalecer o vínculo com o seu bebê é algo incrível, que deve ser colocado na rotina de cuidados com a criança para que a relação fique ainda mais intensa.

Sendo assim, agora que você já sabe como se aproximar da criança, invista nos momentos de cuidado para o estreitamento dos laços afetivos. Para saber mais sobre como fortalecer o vínculo com o seu bebê, baixe o Guia Pele a Pele Pom Pom.