higienização do quarto do bebê precisa acontecer de maneira regular, a fim de evitar o acúmulo de ácaros, bactérias e poeira. Caso contrário, a saúde e o bem-estar do bebê podem sofrer impactos por conta da falta de higiene.

E como queremos lhe ajudar a criar um ambiente aconchegante para o pequeno, elaboramos este guia com diversas dicas e sugestões para você. Acompanhe até o fim e cuide bem da higienização do quarto do bebê!

Como fazer a higienização do quarto do bebê?

higienização do quarto do bebê

Mulher carregando produtos de limpeza. Foto: Freepik

Existem alguns passos que devem ser colocados em prática na hora de fazer a higienização do quarto do bebê. Atente-se para cada um deles e construa um ambiente aconchegante, limpo e organizado. Veja abaixo:

Publicidade

1. Escolha produtos de limpeza sem cheiro para fazer a higienização do quarto do bebê

higienização do quarto do bebê

Mulher limpando espelho. Foto: Freepik

É muito importante que você encontre bons produtos de limpeza para o quarto e as roupas do seu bebê. O ideal é que você pesquise quais possibilidades podem ser usadas para crianças da idade do seu filho, além de sempre ler o rótulo e assim analisar quais substâncias estão presentes na composição do produto.

Lembre-se de que cheiro forte e produtos químicos podem causar efeitos nocivos na saúde da criança. Portanto, tenha esse cuidado antes de ir adquirindo qualquer produto.

Ressaltamos, ainda, que você tenha cuidado na hora de limpar brinquedos ou itens que a criança pode colocar na boca. Nessas situações, o ideal é lavar apenas com água e, no máximo, um detergente neutro. Nada mais.

Leia mais: Higiene íntima: Não tenha vergonha! Veja como manter.

2. Use o aspirador de pó para fazer a higienização do quarto do bebê

higienização do quarto do bebê

Limpando superfície de vidro. Foto: Freepik

Publicidade

O aspirador de pó pode ser o seu melhor amigo na hora de fazer a higienização do quarto do bebê. Isso porque é no pó que encontramos milhares de ácaros prontos para desenvolver problemas respiratórios no pequeno.

Sendo assim, passe o aspirador em cortinas, superfícies, chão, estofados, colchão, etc. Quanto mais você usar o aspirador para sugar todo o pó do ambiente, melhor e mais confortável ficará o espaço para o seu filho.

Caso você não tenha um aspirador, aposte em panos molhados para esse fim.

3. Troque a roupa de cama duas vezes por semana

A roupa de cama pode ser a “casa” de muitos ácaros e sujidades. Sendo assim, o mais recomendado é que você as troque pelo menos duas vezes por semana. Dessa maneira você evita o acúmulo de sujeira e garante muito mais saúde e conforto para o seu filho.

No entanto, aqui vale um adendo: novamente você deve escolher os produtos adequados para lavar as coisinhas do seu filho. Usar sabão em pó e amaciante comuns pode desencadear alergias e problemas de pele. Portanto, escolha itens desenvolvidos especialmente para bebês.

Veja também: 8 Benefícios das azeitonas para sua saúde

Publicidade

4. Use água morna e vinagre de álcool para higienizar o kit berço e o colchão

higienização do quarto do bebê

Mulher carregando balde com produtos de limpeza. Foto: Freepik

O kit berço, o colchão e o travesseiro também precisam de cuidados especiais, é claro. Eles também podem ser a porta de entrada para o desenvolvimento de alergias por meio da proliferação de ácaros.

Dessa forma, o ideal é que você siga algumas dicas de higienização do quarto do bebê:

  • Use o aspirador de pó para sugar o máximo que puder do colchão, do travesseiro e do kit berço.
  • Troque a roupa de cama que reveste esses itens.
  • Faça uma mistura com água morna e vinagre de álcool e coloque em um borrifador, aplicando nessas peças da cama.
  • Deixe secar a sombra e só coloque de volta no berço quando tudo estiver sequinho. Também não coloque a roupa de cama se ainda houver umidade nas peças.

Apenas não exagere na quantidade de vinagre, ok? Caso contrário, o cheiro pode ser muito forte e se transformar em um incômodo para a criança.

5. Lave os brinquedos que a criança tem contato

Sabe aqueles brinquedinhos que estão ao alcance da criança e que ela tem contato ao longo dos dias? Pois então! É muito importante que você também lave esses itens ao menos uma vez por semana, especialmente se o seu bebê tem colocado tudo na boca.

Porém, nada de usar produtos químicos para higienizar esses materiais, combinado? O ideal é que na hora de fazer a higienização do quarto do bebê você lave os brinquedos com água e sabão neutro, removendo todas as sujeiras e deixando o brinquedinho pronto para o pequeno brincar novamente.

Leia mais: Por que chocolate em excesso faz mal à saúde? Entenda!

6. Use um pano úmido sobre os móveis

A superfície dos móveis também pode acumular bastante ácaro, pó e sujeira. Por conta disso, o ideal é que você use um pano úmido e um pouco de detergente neutro para limpar bem esses itens.

Você não precisa encharcar os seus móveis, tendo em vista que isso poderia estragá-los, mas evite de usar o espanador ou um pano seco porque isso faria com que o pó apenas “levantasse” e se espalhasse pelo ambiente, ao invés de ser removido verdadeiramente.

Inclusive, você também pode usar o aspirador de pó para fazer essa limpeza, finalizando com um pano com lustra móveis (desde que a criança não alcance o móvel em questão).

7. Não se esqueça das cortinas e dos tapetes na hora de fazer a higienização do quarto do bebê

Mulher passando o Mop no chão. Foto: Freepik

As cortinas e os tapetes podem ser vistos como um “problemão” na hora de fazer a higienização do quarto do bebê.

Para não ter tanta dor de cabeça, novamente podemos recorrer ao velho e bom aspirador de pó. Caso você não o tenha, talvez a melhor opção seja sacudir o tapete e a cortina ao ar livre (longe da entrada da casa), escovar com uma escovinha ligeiramente áspera ou lavar.

Inclusive, é recomendado que os tapetes recebam uma limpeza profunda e profissional ao menos uma vez por ano. Assim você terá mais certeza de que o tapete está bem limpinho.

8. Mantenha o ambiente arejado

Mulher limpando o chão. Foto: Freepik

Manter o ambiente bem arejado durante toda a limpeza e depois disso é muito importante. Desse modo você evita que o espaço fique úmido, com proliferação de fungos e bactérias e, inclusive, mantém o ar muito mais agradável.

E tudo isso ainda colabora para deixar o ambiente sem nenhum tipo de odor que possa tornar o espaço desconfortável.

Veja mais: Como cuidar da saúde mental dos filhos?

9. Use água e sabão no chão

Por fim, não se esqueça de fazer a higienização do chão. Para isso, um pano molhado e sabão neutro é ideal para remover toda a sujeira, bactérias e afins.

No entanto, cuidado para não provocar acidentes com o chão molhado, ok? Para isso, sempre seque bem o ambiente ou deixe-o bem aberto para que o piso seque rapidamente. E nunca deixe a criança engatinhar ou andar sobre o piso molhado, pois ela poderá cair e se machucar.

Faça a higienização do quarto do bebê regularmente

Mulher limpando superfície. Foto: Freepik

Procure manter uma regularidade na limpeza do quarto do seu filho. Assim você evita que muita sujeira acumule e, ainda, facilita a sua própria limpeza. Afinal, não terá que lidar com limpezas profundas e muito pesadas, não é mesmo?

Outra dica interessante é não acumular muito brinquedo, tapete ou itens que possam fazer com que a sujeira fique em excesso no quarto da criança.

Cuide da saúde do seu pequeno sempre mantendo tudo limpinho e ele será ainda mais feliz com você! 🙂

Veja também: