Mãe de Câncer (ou com ascendente Câncer)

Por 0 Comentários


Você é uma mãe de Câncer? Pois confesso que, algumas vezes, já me peguei desejando ter o instinto de maternidade naturalmente aflorado como o seu! Todas as vezes em que eu penso em uma mamãe canceriana, imagino aquela mulher protetora, que coloca sua família acima de tudo, e que sabe como ninguém aninhar os filhos ao seu redor!

Mas sabia que as características da mãe do signo de Câncer (ou que tem esse ascendente) vão muito além disso? Pois é o que eu aprendi no post de hoje, da nossa querida parceira, a astróloga Sílvia Bacci (ela, sim, entende do assunto!). Espero que vocês se deliciem com mais esse texto!

Por Sílvia Bacci

Imagem: 123RF

Imagem: 123RF

Você já ouviu falar em mãe de fases? Convide seus filhos a observar os ciclos da Lua e imaginar os efeitos deles. Esta brincadeira será útil quando você estiver vivendo altos e baixos emocionais. “Gente, hoje eu estou Lua Cheia, qualquer coisa já transbordo”, pode ser um código para avisar que seus sentimentos estão à flor da pele. E quem avisa amigo é.

A Lua é importante na sua vida porque ela rege o signo de Câncer. Isto te torna mais sensível que a maioria das pessoas e estimula muito sua imaginação e criatividade. Talvez você seja uma canceriana típica, que nasceu para maternar, coloca instintivamente seu amor na preparação de pratos deliciosos e tem um invejável talento para administrar a casa.

Calma, nem toda a turma de Câncer é assim. Às vezes é preciso definir melhor o seu estilo como mãe e o tipo de lar que você quer, e isso leva tempo. Sabia que o seu relacionamento com a sua mãe tem muito a ver com isso? Não é raro que a canceriana seja um grude com a mãe e também muito apegada aos filhotes, mas às vezes é preciso resolver alguma questão com a figura materna para que você fortaleça a sua identidade materna.

Acostumada a nutrir o outro, a típica mãe de Câncer sente um nó na garganta nos momentos de separação, como o desmame ou o início da vida escolar dos filhos. Seu desafio é trabalhar o desapego e entender as crianças do tipo independente, sem sufocá-las com excesso de proteção. Se o seu pequeno corre para o ônibus de excursão, festeje, pois isto não significa que ele não te ama. Ele está apenas crescendo.

Às vezes, os argumentos das crianças não adiantam tanto com você, porque a emoção influencia muito mais a sua decisão. Como explicar aos seus filhos que você vê a vida por meio do sentimento?  E que, daqui a pouco, você já pode estar se sentido de um jeito diferente?

Lembre-se de que eles têm suas vantagens ao ter uma mamãe Lua. Ninguém oferece um colo tão seguro e acolhedor, quando o coração das crianças está fragilizado. A canceriana vivencia o arquétipo da Grande Mãe: receptiva, amorosa e doadora de recursos, especialmente à família. Além disso, você é fértil em ideias para tirar os filhotes de qualquer aperto.

Então, não se cobre tanto. Brinque, dizendo a eles que você é uma mistura da Wendy do Peter Pan, “mãezona de todo mundo”, com o superprotetor Marlin, o pai do Nemo, e com o Remy, o inspirado ratinho de Ratatouille, um cozinheiro de mão cheia que está sempre pensando na família. Assuma-se como mamãe Lua e conte com a empatia das crianças, tanto nas suas fases “cheias”, quanto nas “minguantes”.

Sílvia Bacci – https://www.facebook.com/astrologasilviabacci

Clique aqui para ver todos os posts da coluna astrologia.

selo sílvia bacci

 




Arquivado em: Astrologia / Signos Tags:

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail