Dedo no nariz: por que crianças criam este hábito (e como acabar com ele)

Por 1 Comentário


Por mais feio que seja (pelo menos para a nossa cultura), há crianças que, de uma hora para outra, acabam desenvolvendo uma mania chata de colocar o dedo no nariz. Eu me lembro da minha infância: minha mãe adorava dizer que eu estava “limpando o salão” (no caso, o nariz!), e eu sabia que essa era a senha para deixar de cutucar as narinas na hora!

Para reprimir o hábito, muitos pais, sem perceber, acabam incentivando o pequeno a repeti-lo, sabia? Entenda a seguir porque você não deve dar tanta atenção às cutucadas no nariz do seu filho (e porque é justamente isso que irá fazê-lo aprender a parar):

Imagem: 123RF

Por que o meu filho coloca o dedo no nariz?

Pode observar: se o seu filho sofre de alergia ou possui mais secreção nasal do que a média, por algum motivo, é mais fácil que você o pegue com o dedo no nariz com uma certa frequência. Isso acontece porque, aos poucos, o muco nasal seca e forma as casquinhas, que tanto incomodam, dentro das narinas. Esse é o principal motivo que leva o filhote a mexer no nariz: para tirar todo aquele incômodo lá de dentro.

Por outro lado, pode ser também que o pequeno desenvolva a mania do dedo no nariz por ter visto alguém fazendo, por tédio, ou por ter descoberto esta nova parte do corpo. Acontece!

 

É necessário reprimir?

Primeira dica: lembre-se de que muitas coisas que as crianças fazem – e que fogem às normas de condutas sociais que conhecemos – não são intencionais em um primeiro momento. Mas justamente porque os pequeninos ainda não sabem que o que estão fazendo, não são recomendadas. Assim, é importante, sim, chamar a atenção do pequeno se pegá-lo no flagra e explicar que “é feio” cutucar o nariz (e, ainda, que o hábito é uma porta de entrada para bactérias, uma vez que as crianças colocam a mão em muitos locais, como o chão, e acabam levando-a ao buraquinho).

Mas fique atento para não dar atenção além da conta à mania. Isso porque chega uma idade em que as crianças fazem certas coisas para chamar a atenção dos pais – e o dedo no nariz é uma delas. Se você já conversou com seu filho que este hábito não deve ser levado adiante, e ele continuar fazendo, ignore. Caso ele note que consegue chamar a sua atenção com isso (mesmo que seja para dar bronca), pode soar como um estímulo para que ele o faça mais. Portanto, vá pela lógica contrária: procure dar atenção ao filhote quando ele fizer ações que te agradam.

 

O que eu posso fazer para parar com isso?

Uma dica é procurar manter as mãos do pequeno ocupadas. Caso você perceba que a criança costuma colocar o dedo no nariz quando está assistindo televisão, por exemplo, procure dar a ela brinquedos para segurar.

Mais um cuidado é ir ensinando a ela, desde cedo, como assoar o nariz. Assim, se as cutucadas forem por conta das casquinhas e secreções, ela já sabe outra maneira mais educada de aliviar o incômodo.

 

É necessário levar ao pediatra?

Se você notar que o filhote cutuca excessivamente o nariz (e que até sangra por conta disso), procure o pediatra. Pode ser que o pequeno esteja com alguma alergia que ainda não foi identificada, ou fazendo do dedo no nariz um hábito nervoso – e nesse caso é necessário tratamento.






Arquivado em: Cuidados diários Tags:

Comentários (1)

Trackback URL

  1. AMANDA BASAGLIA LOPES VICENTE disse:

    Boa tarde Nívea,

    Sou leitora do blogue há um ano, desde que meu filho nasceu.
    Hoje me inspirei e escrevi um texto breve sobre a necessidade de dizer não, e gostaria de compartilhar. Tem algum email em que eu possa te enviar, para vc verificar se pode publicar no seu blogue?

    Att,
    Amanda.

Deixe seu comentário