Cosméticos para crianças: um assunto sério

Por 14 Comentários


Em alguns aspectos, ser mãe de menina não é fácil, não. Por um lado, a gente fica toda orgulhosa quando vê a filhotinha reproduzindo alguma coisa que aprendeu com a mamãe; e por outro, fica aquele dilema: qual é o limite da imitação da mãe? Vale colocar maquiagem, esmalte? Nas festas infantis em que tenho ido, meninas de 3, 4, 5 anos já adoram passar por uma sessão “fashion”, com direito a cabelo, maquiagem e manicure. Você já parou para pensar nisso? Tem alguma opinião formada?

maquiagem para criança

Minha filha Catarina ainda não fez 2 anos, mas sei que em breve ela manifestará a vontade de experimentar essas coisas. Como no dia-a-dia eu uso pouquíssima maquiagem e esmalte, ela ainda não colocou atenção nesses itens. Mas em uma festinha qualquer, vendo as meninas todas com sombra nos olhos e unhas pintadas, virá a curiosidade. Pessoalmente eu acho que criança tem que ser criança, tem que ter jeito de criança. Por isso, deixá-la usar maquiagem e esmalte no dia-a-dia está fora de cogitação aqui em casa. E vocês irão me perguntar: e numa festinha, ela vai poder? E a minha resposta é: desde que seja considerada uma brincadeira do momento (ou seja, que acaba ao chegar em casa), eventual, e com produtos infantis, tudo bem.

É claro que cada mãe pensa de uma forma, e eu não estou aqui para convencer ninguém de que a minha forma de pensar seja a mais acertada. Não vou entrar agora na discussão sobre vaidade infantil, somente focar na questão da saúde que o uso desses produtos envolve. Assim, acho importante conscientizar as mães da importância do uso de cosméticos infantis para crianças. A pele da criança é muito delicada, por isso exige produtos específicos para ela, que são avaliados pela Vigilância Sanitária e apresentam uma composição diferente das fórmulas para adultos. Apresentam menor chance de provocar alergias e irritações, ao contrário do uso precoce de cosméticos convencionais, que nos pequenos podem promover, a longo prazo, sensibilidade a alguns componentes químicos (pois a criança apresenta seu sistema imunológico ainda imaturo e mais susceptível à sensibilização alérgica). Já imaginou que deixar sua filha usar um cosmético inadequado hoje pode significar que ela se torne alérgica a ele no futuro?

A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) montou uma cartilha sobre cosméticos infantis bem interessante. Lá eu fiquei sabendo, por exemplo, que é exigência para as maquiagens infantis que elas apresentem baixa fixação, e que sejam removidas facilmente com água, sem necessidade de um outro cosmético de remoção. E que as maquiagens de boneca NÃO podem ser usadas pela criança, pois não propiciam a necessária segurança. Já os esmaltes devem ser à base de água (portanto não precisam de removedor para serem retirados das unhas); conclusão: lavou a mão, tomou banho, saiu!

Nessa mesma cartilha, você encontra informações sobre outros produtos também considerados cosméticos infantis, como shampoo, condicionador, fixador para cabelo, protetor solar, batom… Vale a pena ler (clique aqui)! E, claro, ficar atenta ao tipo de cosmético com que sua pequena está tendo contato. Procurar o registro da Anvisa no rótulo e ler as recomendações de uso são o primeiro cuidado para garantir a saúde da pele da sua filha.

Clique para ler mais sobre saúde do filhote.




Arquivado em: Cuidados diáriosPapo de mãeSaúde Tags:

Comentários (14)

Trackback URL

Sites que possuem links para este Post

  1. Bonecas como as que nossas filhas deveriam ter : Mil dicas de mãe | 5 de março de 2015
  1. Daniela disse:

    Ni, eu proíbo veementemente o uso de qlq coisa dessa na Laura, pq acho feio criança usando maquiagem e esmalte. Feio, do verbo feio pra caramba.
    Em uma festinha, esporadicamente? Ainda não deixaria, pq abriria porta para ela usar em outra festa ou em um dia em um fim de semana… e por aí vai. Enquanto eu puder e conseguir proibir, eu vou proibir. Uso muita maquiagem, todos os dias, faço as unhas semanalmente, Laura me vê maquiando e pergunta sobre tudo, eu digo que é de adulto, que é para a mamãe passar e que ela só pode passar o batom (manteiga de cacau) que não tem cor e o creme (pq tbm uso mto hidratante no corpo, rosto, mãos…). Quando eu era criança, me lembro de brincar de maquiagem e esmalte muito mais velha do que a Laura ou a Catarina, eu deveria ter uns 8 ou 9 anos quando brincava com esmalte de brinquedo, maquiagem de brinquedo… e minha mãe sempre dizia que o meu presente de aniversário de 12 anos seria fazer a unha no salão, com manicure. Eu esperei por este dia como uma louca, pq queria experimentar a sensação e depois disso, acho que fui fazer a unha novamente a cada aniversário, até completar 15 ou 16 anos, quando comecei a fazer com mais regularidade (e ainda assim, mto pouco, duas ou três vezes ao ano)…
    Enfim, não quero que este seja um hábito da Laura, mas os tempos são outros e eu entendo que talvez a dificuldade que eu encontre seja mto maior do que a que a minha mãe encontrou, né?

    Veremos…

    Beijos grandes!!

    • Nívea Salgado disse:

      Oi, Dani.

      Acho que o ideal é esse mesmo: que não use até completar certa idade (que é bem mais pra frente do que a da Laura e da Catarina). Só não digo que vou proibir antes disso, porque cansei de pagar minha língua com Catarina dizendo que não faço determinada coisa.

      Mas concordo com você que quanto mais a gente conseguir adiar, melhor para as pequenas!

      Grande bj!

  2. alicia disse:

    eu acho q criança tem q ser criança,eu não uso maquiagem ,mas uso esmalte e a Júlia com 1 ano e 5,ja aponta pra minha mão ,mas não vou deixar ,se ela pedir vou dizer q é de adulto,assim como sou contra menina usa salto!sei q vai dar muita discussão aqui,mas não deixo!
    bjs

  3. tatiane disse:

    Minha filha tem 4 anos, adora e pede sempre pra usar maquiagens e esmaltes…
    Maquiagem ela usa qdo tem alguma festinha na escolinha ou qualquer uma q ela precise estar caracterizada… Ah e tb comprei um batom da barbie pra ela, não deixo q ela use pras coisas do dia a dia, mas qdo vai em algum passeio ela usa sim, até pq nem aparece e ela fica toda feliz…

    Agora esmalte, eu passo nela sim, sempre os rosinhas e faço uma florzinha pra ficar mais delicado. Não é q eu goste, mas não vou ficar falando não sempre. Já expliquei pra ela q isso é coisa de adulto e q ela só pode as cores fracas, ela não gosta da idéia, mas aceita…

    tb não vejo nenhum mal…

  4. Gilmara Sousa disse:

    Eu fico toda emocionada quando vejo ela parecendo uma mocinha..mass não é so isso a adolescência chega e a cabecinha muda .EU PRETENDO SER AMELHOR AMIGA DA MINHA FILHA AQUELA DE QUARDAR SECREDOS.

  5. Gilmara Sousa disse:

    EU FAÇO A MESMA COISA QUE A TATIANE NÃO SEMPRE MAIS AS VEZES , ELA NAO DEIXA DE SER CRIANÇA POR ISSO E NEI MENOS DELICADA .ELA FICA TODA FELIZ.

  6. maria fernanda disse:

    realmente concordo com sua opinião não é a primeira nem a segunda vez que eu leio sobre maquiagem infantil sei que é errado mais nem todas as mães pensão como eu mais acho que de vez em quando não faz mau usar um brilho um pouco de sombra bem clarinha porém com moderação.

  7. Náy disse:

    Espero que o meu baby seja um garoto, pois não quero ter que passar por esse problema.Para mim, assim como para algumas mãezinhas acima, criança tem que ser criança.Nada de esmalte, maquiagem, batom.No máximo, um gloss bem clarinho.

  8. ola tem alguma importância passar esmalte em uma criança de 1 ano. me responda por email:anjototy.ninguempode@gmail.com

    • Nívea Salgado disse:

      Olá, Angelica, tudo bem?
      Os esmaltes de adulto não devem ser usados nas crianças mesmo, porque podem causar alergia agora ou no futuro. Já imaginou sua pequena sem poder usar esmalte quando for adulta porque não consegue ficar com ele não mão (pode coçar e até descamar a pele!)? Acho que não vale o risco. A química contida nos esmaltes é forte demais para um bebê de um ano.
      Um abraço!

  9. Suzana disse:

    Não uso maquiagem, esmalte ou qualquer coisa que se diga que faz parte da vaidade feminina…
    Minha filha é super vaidosa nesse sentido… Ama ver unhas pintadaa e batons… Nunca tinga usado maquiagem nela e agora com 2 anos passaram vatom nela… Eu não concordo e após ler bastante a respeito, inclusive essa cartiha da ANVISA, decidi e ponto final… Podem me chamar do que quiserem, mas maquiagem só aos 8 anos!

  10. Fran disse:

    Fiz um esmalte vermelho: tinta guache e agua… coloquei um pincelzinho e ela pintou todas as unhas… sozinha!!! Kkkkk e no banho saiu tudo! Rss

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail