Apesar da tendência pela naturalidade, que hoje impera no mundo e atinge um grande número de áreas. A lipoaspiração, continua sendo procurada.

Felizmente, essa correção deixou de ser vista como uma alternativa para a perda de peso e um estilo de vida saudável. Afinal, a lipoaspiração visa apenas harmonizar a silhueta, mas não reduzir o peso. Vamos entender mais sobre o procedimento.

O que é lipoaspiração

lipoaspiração

Lipoaspiração. Fonte: Freepik

A lipoaspiração (também chamada de lipectomia ou lipoplastia) é um tipo de cirurgia estética que algumas pessoas consideram ser para melhorar sua atitude em relação à aparência. O procedimento não é um método de perda de peso.

Publicidade

A lipoaspiração remodela áreas específicas do corpo, removendo a gordura dessas áreas. É mais comumente usada nas coxas, nádegas, abdômen, braços, pescoço e sob o queixo, bem como nas costas, parte interna do joelho, tórax, bochechas, panturrilhas e tornozelos.

Algumas pessoas fazem a lipoaspiração ao mesmo tempo que outras cirurgias cosméticas, como um lifting, aumento dos seios ou abdominoplastia.

Que tipos existem?

Mulher com a mão na barriga. Fonte: Freepik

A principal tarefa desse tipo de correção é a remoção do excesso de tecido adiposo nas chamadas zonas de “armadilhas”: abdômen, axilas, joelhos e ombros.

A lipoaspiração à laser tem se mostrado muito bem nesses casos. Sua principal vantagem é o efeito no tecido adiposo e na pele.

Sob a influência das ondas, os depósitos de gordura tornam-se uma emulsão, que é facilmente removida com um aparato especial. Após a limpeza, pode ser adicionado nas áreas onde há redução de volume: lábios, nádegas, seios, etc.

Publicidade

Os homens costumam fazer essa correção e pedir para enfatizar a zona dos músculos ou peitoral.

Que tipos de anestesia são usados?

Na grande maioria dos casos, a lipoaspiração ocorre sob anestesia geral. As únicas exceções são aquelas intervenções que afetam pequenas áreas – joelhos, axilas, pescoço. A anestesia local geralmente é usada.

Quanto tempo leva a reabilitação?

Mulher de roupas intimas azul. Fonte: Freepik

Se a operação foi volumosa, apenas a recuperação primária dura pelo menos um mês. Nesse período, os resultados da intervenção começarão a aparecer e o edema desaparecerá.

Mas não é tudo: a recuperação vai continuar, o corpo vai precisar de dois a seis meses. Depois da lipoaspiração, o reflexo no espelho vai melhorar cada vez mais a cada mês.

Após a lipoaspiração, os depósitos de gordura não retornam?

Esta afirmação é um grande erro. Na verdade, quilos extras podem retornar ao seu lugar original se você não seguir os princípios de uma dieta saudável e não prestar atenção à sua rotina diária.

Publicidade

Depois de retirar a gordura, é necessário abandonar os maus hábitos e então o resultado irá deliciá-lo por um longo período de tempo.

O resultado pode ser visto imediatamente?

Não conte com o fato de que após a lipoaspiração, já no dia seguinte poderá ver um reflexo perfeito no espelho.

Você deve saber que, alguns dias após a lipoaspiração, é observado edema corporal, que está mais frequentemente associado à retenção de líquidos no corpo. Isso é normal e desaparecerá após alguns dias, e então você poderá desfrutar de novas formas atraentes.

A lipoaspiração é adequada para absolutamente todos?

Mulher se preparando para Lipoaspiração. Fonte: Freepik

Este procedimento, como outras técnicas estéticas, tem uma série de limitações. As contraindicações para a lipoaspiração incluem a presença de doenças infecciosas agudas, doenças crônicas graves, insuficiência pulmonar e asma brônquica grave, obesidade elevada, doenças cardiovasculares ateroscleróticas, gravidez, amamentação.

Para evitar consequências negativas, antes da lipoaspiração, é necessário fazer um exame médico completo, que vai determinar o estado de saúde e, com base nos resultados obtidos, decidir sobre a conveniência desse procedimento.

Contraindicações

  • Gravidez e lactação.
  • Exacerbação de doenças crônicas.
  • Processos inflamatórios gerais.
  • Oncologia.
  • Diabetes.
  • Perturbações no funcionamento do sistema cardiovascular.
  • Distúrbios da coagulação do sangue.
  • Doenças do sistema endócrino.
  • Estresse crônico.

É preciso se preparar para a lipoaspiração?

Por 1-2 semanas antes, você precisa parar de tomar anticoagulantes. Também é necessário parar de fumar e de beber álcool até o final do período de reabilitação: a nicotina retarda a cicatrização dos tecidos e o etanol evita a coagulação do sangue.

Se possível, é recomendável usar menos cosméticos decorativos e cancelar o treinamento esportivo.

Além disso, 8-12 horas antes da operação, pare de comer e a quantidade de água que você bebe deve ser minimizada.

Assim, na manhã da operação, é necessário tomar banho; não é aconselhável usar perfume. Antes da operação em si, você precisará remover lentes de contato.

Além disso, você precisa levar roupas de compressão, documentos pessoais e exames médicos.

A lipoaspiração deixará cicatrizes?

O procedimento é não invasivo, não haverá cicatrizes. Todos os cirurgiões se esforçam para obter cicatrizes mínimas. Sempre que possível, as cicatrizes aparecerão ao longo das dobras naturais e linhas da pele.

Eu preciso fazer uma lipoaspiração de novo?

A lipoaspiração geralmente não precisa ser repetida. Pode haver excesso de pele após a cirurgia e, se necessário, um procedimento adicional pode ser necessário para removê-la. Normalmente, entretanto, a pele encolherá e endurecerá após o procedimento.