Confira brincadeiras para fazer na piscina com as crianças nessa época de férias.

Afinal, mesmo quando não viajamos nesse período, existem muitas formas de aproveitar em casa e sair da rotina.

No verão, a melhor pedida são as brincadeiras na piscina, que divertem crianças e adultos além de refrescar nesse calor.

Para deixar o momento ainda mais gostoso, lanches para festa na piscina não podem faltar.

Publicidade

Confira como organizar uma tarde refrescante e descontraída na piscina!

 piscina com as crianças

Crianças brincando na piscina. Crédito da foto: Freepik

Brincadeiras divertidas para fazer na piscina com as crianças

Quem tem piscina em casa sabe que, com o passar do tempo, esse lugar tão especial da casa vai sendo deixado de lado pelos moradores. Nem sempre sobra tempo para aproveitar essa área no correr do dia a dia.

Mas quando as férias de verão chegam e as temperaturas sobem, poder utilizar a piscina para lazer é um verdadeiro privilégio!

Veja a seguir algumas dicas de brincadeiras de piscina que vão entreter a família toda, sem deixar de lado a segurança necessária:

1) Caça ao tesouro na piscina

Que tal dar mergulhos mais profundos? Em uma das mais clássicas brincadeiras para fazer na piscina, tudo o que você precisa fazer é espalhar pequenos objetos que afundam, como moedas, por toda a área da piscina.

Publicidade

Os competidores precisarão mergulhar em busca dos tesouros, retornando à superfície sempre que encontrar algum deles, para depositá-lo em um baldinhos que ficam na borda da piscina.

Uma variação interessante é colocar apenas um objeto na piscina: quem encontrá-lo primeiro, vence.

2) Esponjas molhadas

Se a ideia é gastar energia da criançada, essa brincadeira é a melhor pedida!

Coloque baldes ou bacias do mesmo tamanho na extremidade da piscina e dê a cada criança uma esponja, dessas que usamos na cozinha.

Cada competidor vai nadar de uma extremidade a outra com sua esponja na mão, espremendo a água que a esponja capta dentro do seu recipiente (pode usar potes de sorvete também!).

Vence quem encher o pote primeiro, não importa quantas voltas sejam necessárias. É uma brincadeira emocionante e uma excelente forma de treinar o nado!

Publicidade

3) Brincadeiras de piscina com bola

Tem bola em casa? As opções são muitas: vão desde o vôlei aquático, em que se forma uma roda e o objetivo é não deixar a bola cair na água, até a queimada.

Na queimada, os participantes se dividem em dois times e precisam arremessar a bola nos adversários, para eliminá-los da partida.

Outra sugestão é o passa a bola, em que se forma uma fila indiana e os participantes literalmente passam a bola uns para os outros, primeiro sobre a cabeça, em seguida sob as pernas e assim sucessivamente.

Quando a bola chegar ao último da fila, ele nada até o início e recomeça a sequência. Em reuniões maiores, podem existir duas filas, que vão competir uma com a outra.

Diversão que não acaba mais!

4) Marco Polo

Essa é uma das brincadeiras de piscina mais tradicionais. É preciso escolher ou tirar na sorte quem será o caçador, que terá os olhos vendados e deverá ir atrás dos outros jogadores.

Para saber onde procurar, ele gritará “Marco”, e os outros devem responder “Polo”. Vira o caçador aquele que for pego primeiro.

No jogo, as crianças treinarão a agilidade na água, o nado e o equilíbrio.

5) Travessia maluca

A travessia maluca é uma brincadeira de piscina que exige muito fôlego da garotada.

Primeiramente, para jogar, reúna os jogadores e determine um percurso que deverá ser completado por eles.

Esse trajeto pode ser atravessar a piscina nadando em estilos variados, dar voltas nela, pegar um objeto no fundo, entre outras tarefas.

Por fim, quem cumprir todas as etapas em menos tempo ganha a competição.

O desafio é uma espécie de gincana na água. Com ele, as crianças vão treinar o nado, a respiração, a agilidade, a memória e a concentração.

Crianças brincando na piscina gostosa. Crédito da foto: Freepik

Brincadeiras para fazer na piscina com as crianças

6) Caça aos números

Continuando, essa brincadeira é excelente para ajudar os pequenos a aprender matemática. Você só vai precisar de alguns números em EVA, que podem ser comprados ou feitos em casa.

Os itens ficarão na piscina e as crianças ficarão dentro dela também.

Então, é proposta uma operação matemática simples (multiplicação, divisão, adição ou subtração). Quem trouxer primeiro os números que formam a resposta certa marca ponto.

Assim, a brincadeira pode ser feita em duplas para facilitar a resolução da continha e também da busca pelos números.

Com o jogo, as crianças treinarão o raciocínio lógico, a agilidade e o nado.

7) Passa no túnel

Essa brincadeira funcionada como um pega-pega na água e, para ser mais divertida, precisará de um grupo maior.

Funciona assim: quem for tocado pelo caçador, deverá ficar parado e manter as pernas afastadas. Para voltar a participar da brincadeira, um dos outros jogadores precisará mergulhar e passar por debaixo dele, entre suas pernas.

Vale ressaltar que o jogo pode não ter fim. Então, estipule algumas regras, como a definição de um tempo para ser caçador ou a troca de caçadores quando alguém for pego determinado número de vezes.

Enquanto jogam, as crianças treinarão a agilidade, o mergulho, o nado e a respiração.

8) Corrida com boias

Essa é uma brincadeira simples e muito divertida que todos vão adorar. Podem participar quantas crianças couberem na extremidade da piscina.

Cada uma deverá ter a sua boia, daquelas grandes, e precisará remar com as mãos para chegar à outra extremidade. Quem chegar primeiro vence.

Técnicas de agilidade são ótimas nessa brincadeira!

9) Moedas

Essa é uma mistura de caça ao tesouro e caça aos números. Você precisará de algumas moedas de valores variados, que serão jogadas no fundo da piscina.

Ao ser dada a largada, as crianças deverão mergulhar e recolher as moedas em alguns segundos, esse tempo deverá ser decidido juntamente aos jogadores.

Quando o período terminar, todos deverão voltar à superfície, sendo feita a contagem do valor recolhido. Quem tiver mais dinheiro vence!

Os pequenos treinarão a respiração, o mergulho, o raciocínio lógico e a agilidade.

10) Quem se veste mais rápido?

Essa é uma daquelas brincadeiras de piscina que rendem muitas risadas e os adultos também adoram. O número de competidores não importa.

Camisetas para todos os jogadores deverão ser jogadas na piscina. Quando for dado o sinal, quem conseguir vestir primeiro a peça encharcada vence. Não vale torcer a roupa, tem que ser molhada mesmo!

Uma variação é formar dois times e dividir os jogadores em cada extremidade. O primeiro veste a camisa e nada até o outro lado. Lá, ele tira a camisa e passa para o companheiro, que deverá vestir e nadar para a extremidade oposta.

Ganha o time que terminar primeiro a travessia de todos os jogadores!

Nesse jogo, as crianças treinarão o nado, a agilidade e o trabalho em equipe.

Piscina com as crianças – 11) Redemoinho

Quem tem piscina rasa, aquelas infantis mesmo, pode fazer um redemoinho com a água.

É simples: dentro da água, basta correr em círculo, em uma direção, para que ela se movimente bastante e forme pequenas ondas.

Depois de algum tempo, aproveite o redemoinho para boiar e relaxar. É uma delícia!

12) Elefante colorido

Essa é clássica fora da água, mas também pode ser feita dentro dela.

Funciona assim: os participantes se reúnem em uma extremidade da piscina e o “pegador” vai para o outro lado. Então, algumas perguntas são necessárias.

– Elefante colorido! Podemos passar?, gritam os participantes.

– Somente se tiver uma cor, responde o pegador.

– Que cor?, o grupo pergunta.

Depois, o participante escolhe a cor e pode atravessar a piscina tranquilamente quem tiver a cor escolhida na roupa de banho. Quem não tiver nada da cor precisa passar sem ser pego!

Em suma, aquele que for encostado pelo pegador, troca de lugar com ele e a brincadeira continua.

As crianças treinam o nado e a atenção nessa divertida brincadeira, clássica entre as crianças!

Crianças brincando na piscina com os pais. Crédito da foto: Freepik

Brincadeiras para fazer na piscina com as crianças

Piscina com as crianças – 13) Vôlei aquático

Também conhecido com biribol, o vôlei aquático é praticado por duas ou mais pessoas e requer uma rede e uma bola.

Os dois times se colocam em lados opostos da piscina e começam a jogar como uma partida de vôlei normal, mas não podem deixar a bola tocar na água.

Quando isso acontece, a equipe adversária ganha um ponto.

Antes de começar, estabeleça o número máximo de pontos. Assim, o time vencedor será aquele que alcançá-lo primeiro. O desafio desenvolve o espírito de equipe nos jovens.

14) Choca o ovo

Essa é uma brincadeira muito divertida! Para jogá-la, é necessária uma dúzia de balões cheios, que deve ficar de um lado da piscina.

Os participantes ficam no lado oposto e, assim que o juiz autorizar (pode-se contar até três ou usar um apito), eles precisam nadar até os balões.

Então, o desafio é sentar nos balões, afundando-os. O vencedor será aquele que mantiver o maior número de balões embaixo de si por meio minuto cronometrado pelo juiz.

Atenção: vale “roubar” os balões dos adversários. Enquanto jogam, as crianças treinam o nado e o equilíbrio.

Piscina com as crianças – 15) Pega rabo

Para brincar, recorte tiras de plástico colorido (pode ser saco de lixo). Todos devem prendê-los nas sungas ou biquínis, como se fossem rabinhos.

Então, o grupo conta até três e, ao final da contagem, o pegador deve tentar puxar os rabos dos demais participantes. Assim, quem perder o objeto será o novo pegador.

O desafio é ótimo para desenvolver o nado e a agilidade.

Para que as brincadeiras de piscina sejam seguras, é preciso alguns cuidados, como:

  • Primordialmente, elas devem ser supervisionadas por um adulto a uma distância de um palmo;
  • Crianças que não sabem nadar devem usar coletes salva-vidas o tempo todo em que estiverem na piscina;
  • Antes das brincadeiras, verifique os parâmetros da água e, se necessário, corrija;
  • Use protetor solar, mesmo em dias nublados;
  • Evite horários de maior radiação solar (entre 11 e 14 horas);
  • Não faça brincadeiras que exijam sair da piscina para evitar quedas;
  • Bem como, evite brincadeiras de mergulho, porque a empolgação pode causar acidentes;
  • Beba bastante água;
  • Não permita brincadeiras que possam machucar, como empurrões.

As brincadeiras de piscina são divertidas e toda a família pode participar!

Com os devidos cuidados pra preservar a segurança das crianças, esses momentos têm tudo para se tornar inesquecíveis!

Lanche natural no piquenique. Crédito da foto: Freepik

Lanche da tarde: sugestões práticas e deliciosas

Sabemos que brincadeiras de piscina dão muita fome!

O ideal é apostar em sugestões fáceis de preparar e leves, que todo mundo gosta para que a tarde seja memorável.

Veja algumas dicas:

  • Salgados: a ideia aqui é fazer um lanche leve, como salgadinhos, lanches naturais, pão de queijo, etc.
  • Doces: um lanche para piscina completo também tem sobremesa, por isso aposte em bolos caseiros, brigadeiros, sorvetes de fruta, picolés, etc.
  • Bebidas: nada mais refrescante do que um refrigerante geladinho, né? Sabores como guaraná e limão têm tudo a ver com o verão! Ou então um suco natural de frutas, muito saudável.

Sirva à vontade, optando por copos e pratos descartáveis. Além de serem mais seguros, evitam o trabalho com a louça depois. Por fim, divirtam-se!

Agora que você já conhece 15 brincadeiras divertidas para fazer com os pequenos, aproveite para ler nossas dicas para evitar acidentes na piscina com crianças.

Até mais!