x

Pergunte grátis ao Especialista

DÚVIDAS? x PERGUNTE AOESPECIALISTA PERGUNTAR Principais dúvidas

Choque eletrico na gravidez faz mal?

FRANCINE perguntou 10 meses atrás
ComunidadeCategoria: GravidezChoque eletrico na gravidez faz mal?
FRANCINE perguntou 10 meses atrás

Estava no banho quando o fio queimou e como o chuveiro fica no alto o fio automaticamente soltou e bateu em meu rosto dando um choque nem tão fraco nem tão forte não tenho costume de tomar banho com chinelo meus pés estavam na água estou grávida de 23 semanas porém ele bateu em meu rosto mas fez um efeito chicote o q não ocasionou em algo grave porém levei um bom susto e fiquei com um pouco de dor na barriga na hora mas já se passaram horas ainda sinto minha princesa se mexendo normalmente mas fiquei preocupada com isso oq eu faço ?

8 respostas
Jurema Pacheco MeirelesJurema Pacheco Meireles respondeu 10 meses atrás

Precisa informar o ocorrido ao médico que está acompanhando o seu pré-natal, não deve ter acontecido nada mais grave, mas é melhor manter o médico informado da situação.

Isabella MendesIsabella Mendes respondeu 10 meses atrás

Um choque elétrico durante a gravidez pode ser preocupante, pois existem riscos potenciais tanto para a mãe quanto para o feto. No entanto, a gravidade dos danos depende de vários fatores, como a intensidade da corrente elétrica, a duração do choque, a rota que a eletricidade percorreu pelo corpo e a resposta individual da mãe e do feto. Consulte seu médico obstetra e siga o que for orientado.

Natalia Porto de SáNatalia Porto de Sá respondeu 10 meses atrás

Sempre que ocorrer um choque elétrico durante a gravidez, é recomendado procurar atendimento médico imediato para uma avaliação adequada. Os profissionais de saúde poderão realizar exames, como ultrassonografias, monitoramento fetal e avaliação da saúde da mãe, para garantir que não haja complicações significativas.

Hortencia SanclesioHortencia Sanclesio respondeu 9 meses atrás

A gravidade dos efeitos depende da intensidade do choque elétrico, duração, caminho da corrente elétrica e outras circunstâncias específicas. É importante buscar atendimento médico imediato após um choque elétrico durante a gravidez, mesmo que não haja sintomas aparentes.

Marilene MoraesMarilene Moraes respondeu 9 meses atrás

Procure assistência médica imediatamente após o ocorrido, mesmo que você se sinta bem. O médico poderá avaliar a situação, verificar o bem-estar do bebê e realizar exames para garantir que não haja danos à gravidez.

ManoelaManoela respondeu 7 meses atrás

Como precaução, é sempre uma boa ideia entrar em contato com seu médico ou parteira para relatar o incidente e obter orientação médica específica para sua situação. Eles podem querer realizar uma avaliação para garantir que tudo esteja bem com você e o bebê.

Neusimar AlcantaraNeusimar Alcantara respondeu 7 meses atrás

Se uma mulher grávida sofreu um choque elétrico, é importante procurar atendimento médico imediatamente, mesmo que não haja sintomas óbvios. O médico avaliará o estado da mãe e do feto, realizará exames e determinará se são necessárias medidas adicionais.

Estela GuimaraesEstela Guimaraes respondeu 3 meses atrás

A dor na barriga que você sentiu na hora pode ter sido uma reação ao susto e ao estresse do momento. Entretanto, é sempre importante buscar a orientação de um profissional de saúde para garantir que não haja complicações decorrentes do incidente.

Para responder essa dúvida, por favor faça login abaixo ou clique aqui para criar sua conta.

8 respostas
Jurema Pacheco MeirelesJurema Pacheco Meireles respondeu 10 meses atrás
Precisa informar o ocorrido ao médico que está acompanhando o seu pré-natal, não deve ter acontecido nada mais grave, mas é melhor manter o médico informado da situação.
Isabella MendesIsabella Mendes respondeu 10 meses atrás
Um choque elétrico durante a gravidez pode ser preocupante, pois existem riscos potenciais tanto para a mãe quanto para o feto. No entanto, a gravidade dos danos depende de vários fatores, como a intensidade da corrente elétrica, a duração do choque, a rota que a eletricidade percorreu pelo corpo e a resposta individual da mãe e do feto. Consulte seu médico obstetra e siga o que for orientado.
Natalia Porto de SáNatalia Porto de Sá respondeu 10 meses atrás
Sempre que ocorrer um choque elétrico durante a gravidez, é recomendado procurar atendimento médico imediato para uma avaliação adequada. Os profissionais de saúde poderão realizar exames, como ultrassonografias, monitoramento fetal e avaliação da saúde da mãe, para garantir que não haja complicações significativas.
Hortencia SanclesioHortencia Sanclesio respondeu 9 meses atrás
A gravidade dos efeitos depende da intensidade do choque elétrico, duração, caminho da corrente elétrica e outras circunstâncias específicas. É importante buscar atendimento médico imediato após um choque elétrico durante a gravidez, mesmo que não haja sintomas aparentes.
Marilene MoraesMarilene Moraes respondeu 9 meses atrás
Procure assistência médica imediatamente após o ocorrido, mesmo que você se sinta bem. O médico poderá avaliar a situação, verificar o bem-estar do bebê e realizar exames para garantir que não haja danos à gravidez.
ManoelaManoela respondeu 7 meses atrás
Como precaução, é sempre uma boa ideia entrar em contato com seu médico ou parteira para relatar o incidente e obter orientação médica específica para sua situação. Eles podem querer realizar uma avaliação para garantir que tudo esteja bem com você e o bebê.
Neusimar AlcantaraNeusimar Alcantara respondeu 7 meses atrás
Se uma mulher grávida sofreu um choque elétrico, é importante procurar atendimento médico imediatamente, mesmo que não haja sintomas óbvios. O médico avaliará o estado da mãe e do feto, realizará exames e determinará se são necessárias medidas adicionais.
Estela GuimaraesEstela Guimaraes respondeu 3 meses atrás
A dor na barriga que você sentiu na hora pode ter sido uma reação ao susto e ao estresse do momento. Entretanto, é sempre importante buscar a orientação de um profissional de saúde para garantir que não haja complicações decorrentes do incidente.
Publicidade