Sempre falamos sobre a prevenção, mas o que acontece se nós ou alguém da família contrair Covid-19? Infelizmente, todos corremos riscos de contrair o vírus. A higienização e o isolamento social diminuem as chances, mas não anulam elas completamente. Por isso, é importante também estar preparado para essa situação. 

Veja abaixo como tratar um paciente de coronavírus em casa. 

 

Covid-19 é igual isolamento

O isolamento deve ser mantido de maneira mais rígida para pacientes do Covid-19. Se a casa suportar, ele deve seguir as seguintes recomendações:

Publicidade
  • Isolar-se em um cômodo da casa, onde só ele terá acesso. 
  • Usar um banheiro separado dos demais moradores. 
  • Evitar contato com os animais de estimação da casa – ainda não se sabe quanto tempo o vírus pode ficar na pelagem. 
  • Não receba visitas nem funcionários na casa. 
  • Manter-se longe principalmente de pessoas do grupo de risco, como idosos.

 

Nada de dividir itens nesse período

Ainda não se sabe ao certo quanto tempo o vírus fica sobre superfícies diversas, então pacientes com suspeita ou Covid-19 confirmado não devem dividir nenhum tipo de objeto com outras pessoas. Alguns deles são:

  • Roupa de cama. A roupa de cama do paciente deve ser exclusivamente para ele e, depois do uso, lavada com água quente e, se possível, secada em uma máquica de secar ou ao sol. 
  • Itens domésticos: xícaras, talheres, pratos, copos, etc. A pessoa infectada pelo vírus deve ter seus próprios utensílios domésticos e não dividir nada com outras pessoas. Após o uso, os itens devem ser bem lavados com água quente e sabão. 
  • Roupas e objetos de higiene: caso não dê para separar os banheiros, no banheiro compartilhado o paciente deve ter seus próprios itens pessoais como pasta de dente, sabonete, shampoo, e o que mais for necessário. Para evitar que pessoas sem o vírus toquem nos mesmos itens que o paciente infectado. Suas roupas também devem ser colocadas para lavar separadamente, em água quente e secadas na secadora ou ao sol. 

Coronavírus – Fonte: Freepik

Faxina em dobro contra do Covid-19

Se o cuidado com a faxina já era grande, agora mais ainda! Todo tipo de superfície: chão, maçanetas, mesas, banheiros, teclados, telefones… Tudo deve ser esterilizado com álcool, no mínimo, 70% além do desinfetante usual para a superfície. 

Ao fazer essa limpeza, tome cuidado. Evite colocar as mãos no rosto, e se possível use luvas descartáveis. 

Atenção também na hora de sair de casa, você pode estar portando o vírus e não saber. Então o cuidado com a higiene no mercado e na farmácia devem ser dobrados. A máscara torna-se indispensável também!

Publicidade

 

Monitore os sintomas e tenha um auxílio médico

Atualmente, a instrução do governo é não procurar o sistema de saúde na presença de sintomas leves como tosse e febre, porque a exposição ao sistema de saúde pode aumentar as chances da pessoa doente pegar outros vírus, assim como a pessoa saudável. Remédios com ibuprofeno devem ser evitados e recomenda-se apenas derivados de dipirona. 

Entretanto, se possível, mantenha o contato com um médico conhecido ou que atenda a família normalmente. Por telefone, ou chamada de vídeo, é claro.

Fique atento também para sintomas mais sérios como a falta de ar e dificuldades respiratórias, porque, se surgirem, a pessoa infectada deve ser levada imediatamente ao hospital.