A decoração de qualquer janela são as cortinas. No mundo moderno, as tendências da moda na decoração de vitrines se substituem rapidamente, mas, mesmo assim, você sempre quer ter um interior moderno em casa. Neste artigo, você aprenderá em detalhes tudo sobre cortinas para sala e suas aplicações.

Como escolher o tipo de cortinas para sala

Se desejar, você pode encaixar qualquer modelo de cortinas no ambiente. No entanto, em caso de erro, a impressão do design da sala ficará arruinada.

cortinas para sala

cortinas para sala. Fonte: Freepik

Veja como fazer a escolha certa:

Publicidade
  • Avalie para onde as janelas estão viradas. Se for para o norte, dê preferência a cortinas translúcidas claras. Já há pouca luz natural na sala, e cortinas grossas geralmente bloqueiam a passagem dos raios de sol.
  • Escolha produtos com base no seu estilo interior. Alguns modelos se encaixam nas direções clássicas e outros completamente diferentes nas modernas.
  • Considere o propósito da sala. Por exemplo, opções práticas feitas de tecidos grossos ou cortinas de rolo são adequadas para a cozinha. Para a sala de estar, cortinas elegantes ou cortinas de luz originais.
  • Escolha seu esquema de cores com cuidado. Concentre-se nas cores primárias do ambiente. Você pode preferir cortinas de cores semelhantes ou jogar em contraste.
  • Cuidado com a decoração. Cortinas luxuosas nem sempre são adequadas ao ambiente.
  • Não se esqueça das preferências pessoais. Se gosta de certos tipos de cortinas, fique à vontade para procurar formas de integrá-las no interior.

Tecidos e materiais para cortinas para sala

A textura e a cor dos tecidos desempenham um papel importante na criação de uma atmosfera única no ambiente. No mundo moderno, os fabricantes de tecidos tomam muito cuidado para garantir que o consumidor possa escolher entre centenas de tipos de materiais.

Há uma regra para a seleção de cortinas – o tecido deve ser de alta qualidade e bem drapeado para que sejam obtidas belas dobras e não uma pilha de trapos amassada.

A qualidade e a aparência das cortinas dependem do material. Mais de 30 tipos de tecidos são usados ​​para a confecção de cortinas. Reunimos as características dos mais comuns.

Nome do tecidoVantagensImperfeições
Linho1. Resistente à radiação UV.

2. Alta resistência.

3. Manutenção simples.

1. Vinco.

2. A probabilidade de encolhimento após a lavagem.

Gabardine1. Durabilidade.

2. Falta de encolhimento.

3. À prova d’água.

5. Superfície respirável.

1. Uma textura peculiar.

2. Tendência para se desfazer dos fios.

Veludo 1. Textura macia.

2. Isolamento de ruído.

3. Resistência aos raios UV.

1. Tendência a acumular poeira.

3. Não compatível com todos os estilos de interiores.

 

Tafetá1. Resistência ao desgaste.

3. Durabilidade.

1. Capacidade de encolher.

2. Amassa fácil.

Cortinas de bambu, papel e madeira são muito populares agora. A decoração fica incrível nas janelas e cria um ambiente único.

Outra ideia ousada são as cortinas de PVC. Esses modelos são adequados para designs minimalistas e tendências ecléticas.

Linho

Ideal para uso em cortinas de escurecimento para proteger da luz. Por sua estrutura, é durável e não teme as ações destrutivas dos raios solares, também não se desvanece. Tem uma textura muito interessante e reconhecível.

Publicidade

Fica bem em uma janela sem usar forro. Embora o linho esteja enrugado, isso só dá uma casualidade elegante e não parece um tecido barato.

Algodão-poliéster

A combinação de algodão natural e poliéster, uma vez que o algodão comum não é tão conveniente para criar cortinas, desbota rapidamente ao sol.

Lã ou seda

Você pode usá-lo, mas não é recomendado. Estes tecidos deterioram-se muito rapidamente com o sol e as influências externas, como a temperatura ambiente e a humidade. É quase impossível usá-los sem forro.

  • Veja também: Hortênsia: como cuidar dessas lindas flores de jardim?

Poliéster

Este material é criado quimicamente e é muito popular para cortinas. É leve, forte, durável, fácil de cuidar e não tem medo da luz solar.

Blackout

Existe um tipo especial de tecido chamado Blackout para proteção completa da luz. A tecnologia surgiu há relativamente pouco tempo, mas já ganhou popularidade, pois não permite a passagem de raios ultravioleta.

Anteriormente, o blackout era usado como forro, mas hoje em dia pode funcionar individualmente.

Publicidade

Cores de cortinas para sala

cortinas para sala

cortinas para sala. Fonte: Freepik

Os tecidos podem ser lisos, listrados, xadrez ou qualquer outro padrão que combine com os interiores modernos. Bem, quanto às próprias cores, agora todos os tons naturais de origem natural estão em alta:

  • Azul celeste – este tom evoca associações com um céu claro de verão, portanto, a presença de cortinas azuis causará sossego e pacificação;
  • O próprio amarelo é uma cor ativa, alegre e revigorante. Pode dissipar a atmosfera geral na sala e dar um ar positivo. Cortinas amarelas são perfeitas para casas com janelas voltadas para o norte, elas amenizam a falta de luz. Mas não é recomendável usá-lo no quarto, pois a cor afeta o estado emocional de uma pessoa e pode causar consequências desagradáveis;
  • Tons de verde são calmantes e energizantes. O espectro de cores verdes é um dos mais agradáveis ​​ao olho humano. Cortinas verdes darão frescor ao ambiente e nunca exercerão pressão sobre a psique.
  • O marrom parece nobre e evoca associações com estabilidade e confiabilidade. Ao escolher um tom adequado para cortinas, deve-se ter em mente que essa cor de cortina não será um destaque brilhante, mas pode muito bem se tornar um plano de fundo. O marrom é usado por pessoas que precisam de paz e descanso constante, essa cor não cansa e nem irrita os olhos.
  • Além dos tons naturais, os tons pastéis de bege, cinza e oliva também estão em alta. Pode parecer que as cortinas de luz são enfadonhas e sem características, mas para esses casos, você pode usar detalhes brilhantes ou estampas.

Cortinas da moda

cortinas para sala

cortinas para sala. Fonte: Freepik

Infelizmente, para escolher as cortinas perfeitas não basta saber quais são, mas também é preciso levar em conta as tendências da moda.

Deixando no passado o estilo do barroco ou gótico, agora o lugar do trono no mundo da moda é justamente ocupado pelo minimalismo.

  • Confira também: Banheiro pequeno: técnicas para torná-lo confortável + 10 inspirações

Cortinas geométricas

Os padrões geométricos estão sempre em auge. Para dar ao ambiente um certo gosto por cortinas grossas, você deve escolher uma cor viva, que pode se tornar um destaque ou até mesmo o centro da composição do ambiente. Além da geometria, um padrão temático natural é usado.

Cortinas assimétricas

Cortinas assimétricas também são muito procuradas. Podem revelar toda a personalidade do dono da casa e realçar o seu gosto. Essas cortinas podem ser de vários tipos.

Se falamos de assimetria de cores, então, graças às tendências modernas, você pode vagar por aí e encontrar sua própria solução original.

Cortinas largas e transparentes

cortinas para sala

cortinas para sala. Fonte: Freepik

A próxima opção para um design de janela moderno são cortinas largas e transparentes que capturam não apenas a janela, mas também parte da parede. Você pode até pendurá-las em toda a extensão da parede.

Essas cortinas não interferem na penetração da luz no ambiente e criam um ambiente aconchegante.

Devido à leveza e transparência do material, tal decoração de janela e parede aumentará visualmente as dimensões da sala. Você pode escolher um tule de absolutamente qualquer cor, mas de preferência sem um padrão, já que pode encher a sala com detalhes desnecessários.

Para quem deseja ampliar visualmente um cômodo pequeno de alguma forma, além das cortinas transparentes, as curtas também são indicadas. Elas são fixadas por cima e cobrem apenas parte da janela, razão pela qual há ainda mais luz no ambiente.

Cortinas para sala: para aumentar a altura da sala

Para aqueles que desejam aumentar a altura da sala, os designers sugerem o uso de cortinas retas verticais do teto ao chão. É importante que não haja folga entre o tecido e o chão, é preciso levar em consideração que a cortina deve ficar um pouco no chão, criando lindas dobras.