A gestação é um momento de grande mudança na vida de uma mulher. Conheça as principais mudanças no corpo na gravidez.

O corpo passa por uma grande transformação, que pode começar antes mesmo da confirmação da gestação. Ao longo dos noves meses o corpo se modifica para gerar e manter o feto até o seu nascimento.

Os seios ficam maiores e mais sensíveis, a barriga cresce a cada mês, o olfato e o paladar modificam e com o decorrer da gestação mais mudanças ocorrem. Cada gestação é única e cada mulher pode sentir as mudanças com intensidades diferentes.

Os enjoos matinais pode fazer a mulher perder peso

Esse é um dos sintomas principais de uma gestação, ocorrendo em 70% a 80% das mulheres. Os enjoos matinais, são causados pela alta concentração de hormônios HCG e progesterona e pode acompanhar a gestante durante todo o dia, não somente pela manhã.

Publicidade
enjoo

Mulher com a mão na boca – Foto: Freepik

Além disso, os enjoos são mais comuns no primeiro trimestre e desaparecem no início do segundo trimestre. Portanto, algumas mulheres podem sofrer de uma condição em que os enjoos persistem durante toda a gestação, chamado de hiperemese gravídica.

Atualmente, existem alguns meios que ajudam a aliviar os enjoos como:

  • Primeiramente, faça as refeições em pequenas porções – Mastigue bem e evita passar longos períodos sem se alimentar.
  • Beba água – Procure manter seu corpo sempre hidratado, isso diminui os sintomas do enjoo.
  • Por fim, consuma alimentos que combata os enjoos – Alimentos como carboidratos de fácil digestão, alimentos que contenham cálcio, potássio, ácido fólico, vitamina C e chás são ótimos para aliviar e evitar os enjoos.

O aumento das mamas é uma das mudanças no corpo na gravidez

A alteração nos seios começa nos primeiros meses, onde ficam mais sensíveis e crescem gradualmente, podendo aumentar até três vezes de tamanho.

Mudanças no corpo na gravidez

Mulher com a mão nos seios – Foto: Freepik

Sendo assim, no segundo trimestre os seios e aréolas podem ficar maiores e mais escuras. É nesse período que as células produtoras de leites são ativadas e começam a produzir leite. Procure usar sutiãs confortáveis sem costuras e com alça larga.

Publicidade

Alteração do paladar e do olfato

Essa alteração também ocorre pelas mudanças hormonais. Sendo normal que alguns cheiros que antes não eram desagradáveis tornam-se repulsivo durante a gestação, o paladar também se intensifica, fazendo com que alguns alimentos tenha os sabores diferentes.

Manchas na pele é uma das mudanças no corpo na gravidez

Durante a gestação é comum o surgimento de manchas pelo corpo. Assim, por conta de alterações hormonais, a mulher fica propensa ao aparecimento de manchas causadas pela presença do cloasma. É muito importante mante a pele protegida da exposição solar, então use protetor solar diariamente.

Mudanças no corpo na gravidez

Mancha na pele – Foto: Freepik

Também é comum o surgimento de agiomas de aranha, que são pequenos vasos sanguíneos dilatados, que se assemelham às patas de aranha. Elas costumam sumir 6 ou 9 meses depois do parto e não são prejudiciais.

As estrias são bastantes temidas pelas mulheres pois podem ser permanentes. Elas surgem nos seios e na barriga, principalmente nas mulheres que tem um crescimento de vez. Mantenha sempre a pele hidratada com cremes e óleos corporais, isso ajuda a amenizar e evitar as estrias.

Constipação

A constipação começa a se manifestar entre o segundo e o terceiro mês de gestação e acompanha até o fim da gravidez. Causam desconforto e inchaço abdominal e dificuldade para defecar.

Publicidade

Isso ocorre pelo aumento da produção da progesterona, que faz com que os músculos fiquem mais relaxados e frouxos, fazendo com que os alimentos permaneçam mais tempo nos intestinos. Assim, o crescimento do útero também influencia nas constipações.

Além disso, hemorroidas podem acabar aparecendo pela força que a gravida faz para conseguir defecar, ou pela pressão do útero. A seguir algumas formas de melhorar o trânsito intestinal e evitar a constipação e hemorroidas.

  • Consuma alimentos ricos em fibras, pelo menos 25g diários.  Alimentos como cereais integrais, frutas e vegetais.
  • Beba água para ajudar a eliminar as fezes.
  • Faça exercícios para ajudar seu intestino a trabalhar. Antes de começar qualquer atividade física peça permissão ao seu médico.
  • O uso de substância que amolecem as fezes, mas só com recomendações médicas.

Tamanho do útero é é uma das mudanças no corpo na gravidez

Durante a gravidez, o útero vai aumentando progressivamente seu volume e tamanho. É o órgão que mais sofre mudança para poder desenvolver o feto.

mudanças no corpo na gravidez

Mulher grávida com as mãos na barriga – Foto: Freepik

Assim, o útero pode chegar uma capacidade de mais de 4 litro e meio de volume e seu peso pode aumentar cerca de 20 vezes, afetando e pressionando todos os órgãos a sua volta. Faz com que a vontade de urinar seja mais frequente, contribui com o surgimento de gases e azias, piora a constipação e ao pressionar veias na região abdominal provoca o aparecimento de varizes e inchaços.

Em resumo, o aumento do útero é a maior mudança no corpo da mulher, fazendo com que cada vez mais a gestação seja evidenciada.

Inchaços e varizes

Por conta da menor circulação venosa dos membros inferiores ao coração, causada pelo aumento do útero, as pernas podem sofrer com os inchaços e as varizes. Mas é mais comum entre o segundo e o terceiro trimestre e causa sensação de cansaço, dormência e até dores.

mudanças no corpo na gravidez

Mulher curvada segurando a perna – Foto: Freepik

Antes de tudo, a gestante deve procurar estimular a circulação sanguínea com exercícios, uso de meia de compressão se recomendada pelo médico, repouso, massagem de drenagem linfática e manter os pés elevados.

Cabelos e unhas é uma das mudanças no corpo na gravidez

Na gestação o cabelo fica mais sedoso, brilhante e cheio. Assim, a produção hormonal do estrogênio interfere e faz com que diminua a queda do cabelo e incorporando o fio. Mas no pós parto a mulher sofre com uma queda mais acentuada.

As unhas também são beneficiadas pelos aumentos dos índices do estrogênio, ficando mais fortes e com um crescimento acelerado.

Quando o corpo volta ao normal?

Primeiramente cada mulher é única e tem seu próprio tempo de recuperação. Assim, algumas mudanças ainda vão acompanhar a mulher durante a lactação e outras podem ser permanentes como manchas, estrias e flacidez. Mas o importante é manter a gestação saudável e seguir os mesmos cuidados no pós-parto.

Então cuide do seu corpo consumindo uma dieta equilibrada, praticando exercícios, use protetor solar para evitar as manchas, meia de compressão para as varizes e evite coçar a pele e use cremes para mantê-la hidratada e evitar o surgimento das estrias.

Alguns pequenos cuidados podem fazer com que seu corpo não sofra tanto com as mudanças causadas pela gravidez.