Moda gestante: as peças curinga para manter o estilo na gravidez!

Por 0 Comentários


Quando o assunto é moda gestante, muitas mulheres se perguntam: será que eu vou precisar abrir mão do meu estilo durante os meses de barrigão? A resposta é que isso não é necessariamente uma regra: é possível, sim, procurar alternativas de acordo com os seus gostos para se vestir bem nesse período. E, claro, também dá para encontrar peças que, além da estética, tragam conforto para acompanhar as mudanças pelas quais seu corpo irá passar.

Para ajudar nessa tarefa, preparei esse post, com dicas sobre o que vale a pena investir no guarda-roupa durante a espera do filhote. Confira o que há de mais legal atualmente sobre moda gestante:

Imagem: 123RF

Batas: talvez as batas sejam as primeiras peças de roupa que vêm à cabeça quando falamos em moda gestante. E a fama não é à toa, afinal, as batas são mais soltinhas na barriga – tudo o que uma mulher precisa durante a gravidez! Se você já tiver algumas no armário, pode conseguir aproveitá-las, mas também vale apostar em modelos novos, se notar que a peça te oferece conforto. O mais bacana é que é fácil encontrar uma variedade de batas nas lojas: desde lisas até com estampas variadas, podendo combinar com diversos estilos.

Calça legging: uma peça que combina bastante com a bata é a calça legging. E, durante a gravidez, essa dupla é um curinga, pois se a bata oferece conforto para a parte de cima do corpo, a legging é bastante agradável para as pernas. Sua principal vantagem é a elasticidade, que acompanha o crescimento da barriga, das coxas, do bumbum e do quadril ao longo dos meses. Mais um diferencial é que a legging combina tanto com looks de verão de moda gestante (acompanhada de sandálias baixas e sapatilhas) como de inverno (quem não ama legging com botas?).

Calça jeans: ao contrário da legging, a calça jeans não é muito lembrada quando o assunto é conforto. Mas a verdade é que a indústria da moda já avançou a ponto de lançar jeans bem confortáveis confeccionados especialmente para as grávidas. O diferencial desses modelos é a presença de faixa elástica na cintura, que acompanha também o crescimento do barrigão. Hoje você encontra jeans para gestante em estilos diferentes, com bocas mais retas, mais abertas – vai do que você preferir. Vale a pena comprar umas duas peças!

Vestido: o ideal durante a gestação é procurar por vestidos que contem com cortes sob os seios. Assim, a peça modela o corpo sem apertar nenhuma região. Já em relação ao decote, são bacanas vestidos com decote em V, que valorizam o busto (criando um equilíbrio com a barriga, que por si só já chama a atenção!).

Saia longa: mais um clássico entre as mulheres durante a gravidez é a saia longa. Para quem já curtia usar antes da gestação, vale a pena continuar vestindo, pois as peças possuem cintura elástica que acompanham o crescimento da barriga, trazendo conforto. A versatilidade é mais uma vantagem da saia longa, que pode ser encontrada em versões lisas e estampadas: uma para cada estilo, look e ocasião.

Sapatilhas com elástico: com o aumento da barriga, vai ficar cada vez mais difícil você se curvar para alcançar os pés. Não será, portanto, uma tarefa fácil abotoar sapatos ou amarrar cadarços, concorda? Para resolver esse problema, uma saída inteligente é apostar em sapatilhas – basta encaixá-las nos pés que você está calçada! O melhor ainda são os modelos com elástico, pois com o inchaço nos pés comum na gravidez, a sapatilha continua servindo. E uma dica: não compre sapatos justos durante a gravidez, porque algumas mulheres tem o número do sapato aumentado após a gestação (eu, por exemplo, calçava 34/35, e nunca mais consegui colocar um 34 nos pés!).

Para completar o look, não deixe de usar aqueles acessórios que você já adorava antes da gravidez, como brincos, colares e lenços. Dá para combinar com as novas roupas e não vão te fazer perder o estilo!


 



Arquivado em: Gravidez Tags:

Deixe seu comentário