O que fazer quando você não tem muito leite?

Por 0 Comentários


Eu já comentei algumas vezes aqui no blog que a amamentação foi um verdadeiro desafio para mim, como mãe. Em nenhum momento, antes de Catarina nascer, eu imaginei que poderia não ter leite suficiente para amamentá-la – tanto é que não pedi mamadeiras no meu chá de bebê. Mas o fato é que, ao fim do primeiro mês de vida, a pequena não estava ganhando muito peso, chorava bastante (acredito que de fome), o que fez com que decidíssemos (eu e a pediatra) pela complementação das mamadas.

Imagem: 123RF

Imagem: 123RF

Mesmo fazendo essa complementação, eu desejava muito aumentar minha quantidade de leite – para que um dia, possivelmente, eu conseguisse retirar a fórmula, ou, pelo menos, para que a filhota não desmamasse. A médica de Catarina me apoiava totalmente, e me passou uma série de informações que foram importantíssimas para melhorar minha produção. Basicamente são 5 dicas que toda mãe pode (e deve!) colocar em prática – e mais algumas que dependem de uma boa conversa com o pediatra do bebê. E é sobre isso que eu falo nesse vídeo: espero que ele traga informações valiosas para as mamães que o assistirem, e que vocês compartilhem comigo suas experiências pessoais sobre amamentação! Eu vou adorar!

Se você não está vendo o vídeo, clique aqui. E se você gostou, inscreva-se no nosso canal do YouTube: toda semana eu bato um papo sobre maternidade com vocês lá!




Arquivado em: Amamentação Tags:

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail