É normal sentir dor na barrigas após 18 semanas de gravidez? - Mil Dicas de Mãe Seguro de Vida para Pais
x

Pergunte grátis ao Especialista

DÚVIDAS? x PERGUNTE AOESPECIALISTA PERGUNTAR Principais dúvidas

É normal sentir dor na barrigas após 18 semanas de gravidez?

jaqueline perira perguntou 3 semanas atrás
ComunidadeCategoria: GravidezÉ normal sentir dor na barrigas após 18 semanas de gravidez?
jaqueline perira perguntou 3 semanas atrás
8 respostas
Tamy GomesTamy Gomes respondeu 3 semanas atrás

Esse é o momento em que a barriga começa a crescer mais e, junto desse crescimento, chegam alguns sintomas bem diferentes daqueles do primeiro trimestre. Agora, em vez de enjoos e náuseas, a mulher passa a sentir mais dores na coluna e na própria região pélvica, por conta dos órgãos espremidos pelo útero e pelo feto.

Celeste OliveiraCeleste Oliveira respondeu 2 semanas atrás

Uma das ocorrências a partir da 18ª semana são cólicas ou chamado dor no baixo ventre. Apesar de muito incômoda, é algo normal, por conta do crescimento do útero.

Dirce Menezes CastroDirce Menezes Castro respondeu 2 semanas atrás

Dores na barriga são eventos comuns e inocentes ao longo da gravidez. Porém, se forem muito intensas, a gestante deve entrar imediatamente em contato com o obstetra.

Tamy GomesTamy Gomes respondeu 1 semana atrás

Melhor ir na consulta médica para receber as orientações corretas. Desejo melhoras amiga.

Antonia Ferreira GóesAntonia Ferreira Góes respondeu 1 semana atrás

Acredito que toda dor é algo bastante desconfortável e gera preocupação, por isso acho que é necessário uma consulta médica com o especialista.

Ronilda do AmaralRonilda do Amaral respondeu 5 dias atrás

As dores na barriga podem acontecer por diversos motivos, mas é um fenômeno normal do último trimestre de gestação. Só um pouco mais de paciência e logo logo tudo isso passa!

Leidy PereiraLeidy Pereira respondeu 3 dias atrás

Nesse período a mulher passa a sentir mais dores na coluna e na própria região pélvica, por conta dos órgãos “espremidos” pelo útero e pelo feto.

Dalva Costa LimaDalva Costa Lima respondeu 3 horas atrás

Ir à emergência é sempre bom, se a dor não vier com sangramento, é dor de crescimento do útero e afastamento dos ligamentos e dos músculos..

Para responder essa dúvida, por favor faça login abaixo ou clique aqui para criar sua conta.

8 respostas
Tamy GomesTamy Gomes respondeu 3 semanas atrás
Esse é o momento em que a barriga começa a crescer mais e, junto desse crescimento, chegam alguns sintomas bem diferentes daqueles do primeiro trimestre. Agora, em vez de enjoos e náuseas, a mulher passa a sentir mais dores na coluna e na própria região pélvica, por conta dos órgãos espremidos pelo útero e pelo feto.
Celeste OliveiraCeleste Oliveira respondeu 2 semanas atrás
Uma das ocorrências a partir da 18ª semana são cólicas ou chamado dor no baixo ventre. Apesar de muito incômoda, é algo normal, por conta do crescimento do útero.
Dirce Menezes CastroDirce Menezes Castro respondeu 2 semanas atrás
Dores na barriga são eventos comuns e inocentes ao longo da gravidez. Porém, se forem muito intensas, a gestante deve entrar imediatamente em contato com o obstetra.
Tamy GomesTamy Gomes respondeu 1 semana atrás
Melhor ir na consulta médica para receber as orientações corretas. Desejo melhoras amiga.
Antonia Ferreira GóesAntonia Ferreira Góes respondeu 1 semana atrás
Acredito que toda dor é algo bastante desconfortável e gera preocupação, por isso acho que é necessário uma consulta médica com o especialista.
Ronilda do AmaralRonilda do Amaral respondeu 5 dias atrás
As dores na barriga podem acontecer por diversos motivos, mas é um fenômeno normal do último trimestre de gestação. Só um pouco mais de paciência e logo logo tudo isso passa!
Leidy PereiraLeidy Pereira respondeu 3 dias atrás
Nesse período a mulher passa a sentir mais dores na coluna e na própria região pélvica, por conta dos órgãos “espremidos” pelo útero e pelo feto.
Dalva Costa LimaDalva Costa Lima respondeu 3 horas atrás
Ir à emergência é sempre bom, se a dor não vier com sangramento, é dor de crescimento do útero e afastamento dos ligamentos e dos músculos..
Publicidade