Confesso ter ligado a máquina de lavar roupas pela primeira vez depois de voltar da lua de mel. Como vocês podem imaginar, não sou das donas de casa mais prendadas, mas quebro um galho. Quando a Catarina estava para nascer, não tinha a menor ideia de como lavar suas roupas, mas descobri várias coisas que aqui compartilho com vocês:

– A pele do recém-nascido é bem delicada; por isso você deve lavar suas roupas com um sabão bem suave, ou seja, com o sabão de coco. Nada de colocar sabão em pó normal, muito menos amaciante. Aliás, o amaciante é altamente alergênico para o bebê.
– Prefira lavar as roupas do bebê na mão, e não na máquina de lavar. Esse cuidado é importante principalmente nos primeiros meses, quando o bebê ainda é bem delicadinho. Na máquina há resíduos do sabão em pó e do amaciante que você usa, que podem entrar em contato com a roupa do bebê.
– Se você não tem alguém para te ajudar com a roupa do bebê e precisa mesmo usar a máquina de lavar, faça o seguinte:
* Lave a roupa do bebê separado do restante das roupas da casa (obviamente, mas não custa ressaltar);

* Compre alguns saquinhos permeáveis que são usados para lavar roupas delicadas. Podem ser encontrados em lojas de utensílios domésticos e alguns supermercados. Minha avó comprou alguns para mim na 25 de março (para quem não conhece, a rua de comércio popular mais importante de São Paulo). Qual é a vantagem: você coloca as roupas do bebê dentro desses saquinhos (que têm milhares de microfurinhos) e joga na máquina. A roupa é lavada sem entrar em contato direto com as paredes da máquina de lavar, e o risco de contaminação com sabão e amaciante normais é menor. Para quem nunca viu, segue a foto do dito cujo:

 

* Esses saquinhos também são super indicados quando você lava as roupas do bebê na mão e só quer centrifugar na máquina de lavar. Coloque as roupas dentro dos saquinhos e centrifugue para que sequem mais rápido.
– Sabão de coco não é vendido só em barra; você pode comprar sabão de coco líquido. É bem prático, principalmente quando você quiser deixar de molho algumas roupinhas.
– Compre dois baldes extra. Use um para deixar as roupas do bebê sujas de leite de molho (bodies, panos de boca, etc); o outro você usa para deixar de molho o que estiver sujo de cocô (que no começo vaza bastante, apesar do avanço das fraldas descartáveis). Nada de usar baldes de limpeza da casa para o bebê. Compre cores de balde diferentes para não confundi-los.
– Depois de secas, as roupas devem ser passadas, preferencialmente. A alta temperatura do ferro ajuda na eliminação de microorganismos da superfície da roupinha.

Depois de tudo isso, aproveite e sinta o cheirinho gostoso da roupinha preparada para o seu bebê!

Publicidade

Veja também: Como lavar as roupas do bebê: um mini guia atualizado!

Quer ler outros posts sobre os cuidados diários com o bebê? Clique aqui.