Ajude o sono do seu filho (entendendo o que acontece no corpo dele, enquanto dorme!)

Por 1 Comentário


Quando Catarina nasceu, eu entendi que não sabia nada sobre o sono dos bebês. Sinceramente, eu nunca tinha lido a respeito, e imaginava que um bebê dormia como um adulto dorme. Aliás, um adulto bem cansado, porque eu pensava que minha filha simplesmente fecharia os olhos e embalaria um sono profundo, interrompido apenas pela fome. Que nada!

Percebi a duras penas que bebês passar por vários estágios de sono. E que tentar tira-lo do colo para colocar no berço, por exemplo, no estágio errado, era insucesso na certa! Por isso acredito que o post de hoje vá ajudar muitas mães: nele, nossa querida consultora de sono, Michele Melão, explica quais são as fases pelas quais o sono do bebê passa, e como agir em cada uma delas para ajudar seu filho a dormir melhor. Vem ver, vale a pena!

Por Michele Melão

Seu filho não dorme, não descansa, fica irritado, chora e você parece um zumbi. Realizar simples tarefas parece um desafio enorme. É difícil manter o foco e no meio da madrugada, enquanto seu bebê chora, você chora também, sem saber o que fazer. É um ciclo? Sim, certamente. Ter uma noite de sono verdadeiramente tranquila é um objetivo forte para a família. Mas como chegar a isso? Algo que pode ajudar muito é o entendimento do que acontece no corpo do bebê enquanto ele está dormindo, o que irá te ajudar a confortar seu filho da forma correta e até mesmo criar uma rotina de sono mais saudável. Neste post, falaremos exatamente sobre isso.

Imagem: 123RF

Ir para o berço sonolento, porém ainda acordado

Reconhecer os sinais de sono da criança é algo primordial para melhorar a qualidade desse sono. Deixar a criança extremamente cansada, na tentativa de fazer com que ela durma mais horas é um erro grande. Se o bebê boceja, esfrega os olhos, balança muito a cabeça, perde o interesse pelas brincadeiras ou se torna mais exigente do que o normal, é hora (ou já passou da hora) de colocar para dormir. Então perceba quando esses sinais aparecem e comece o ritual de sono da criança 30 minutos antes (uma agenda vai te ajudar bastante a entender esse horário). Esse ritual pode ser com banho, limpeza da boquinha, troca, massagem, história, apagar as luzes e ir para o berço. Se usar um ruído branco ou uma canção, use sempre a mesma. Trabalhar com repetição certamente vai ajudar o bebê a diminuir o nível de energia.

Você deve colocar seu filho no berço sonolento e ajudar o bebê a entrar no sono dentro do berço, e não no colo. Pediatras especialistas em sono como Priyanka Yadav, D.O., da Somerset Medical Center in Somerville, garantem que quando o corpo da criança aprende a entrar no sono sozinho, este sono será de mais qualidade e por mais tempo. Nós percebemos isso muito claramente no nosso trabalho de consultoria aqui na Maternity Coach.

 

O que o bebê faz quando adormece

Depois de adormecer, a mente do bebê passa por vários estágios de sono. A principal variação destes estágios é a profundidade desse sono.

Estágio 1 – Sonolência. Seu bebê está “pescando”, mas você tem certeza de que ele vai dormir. Quando falamos em colocar o bebê sonolento no berço, estamos nos referindo a um tempo um pouco antes deste estágio, ou seja, o bebê precisa estar com sono, molinho, mas não fechando os olhinhos. Se ele adormeceu no colo, essa não é uma boa hora para mudar a criança de lugar.

Estágio 2 – Sono leve. O bebê está dormindo, mas se move um pouco. Esse estágio é um período onde sons e a luz podem assustar o bebê. Muitas pessoas relatam que o bebê tinha acabado de dormir quando, de repente, acorda assustado e chorando. Provavelmente ele estava nesse estágio e algo aconteceu, fazendo-o despertar. Assim como no estágio 1, se o bebê dormiu no seu colo, esta também não é uma boa hora para coloca-lo no berço.

Estágio 03 – Sono profundo. O bebê está bem quieto e sua respiração é suave e profunda. Esse estágio acontece cerca de 15 minutos depois que a criança adormeceu e, se ela entrou no sono no colo, esse é o momento de mudar para o berço. Repare se não há nenhum movimento corporal ou mesmo se os olhinhos do bebê não estão mexendo embaixo da pálpebra. Se houver movimento, ele ainda não passou para o sono profundo, então espere mais um pouco.

Estágio 04 – Sono de sonhos / REM. Corresponde a aproximadamente metade do ciclo de sono da criança. Esse é o motivo do bebê se mexer tanto durante o sono – muitas vezes pode falar, balbuciar coisas, rir, resmungar ou até chorar. É visível o movimento embaixo da pálpebra, contrações musculares, movimentos bruscos do corpo e uma respiração irregular. É neste momento que ele processa tudo o que aprendeu no dia, sua memória e desenvolvimento cognitivo estão sendo trabalhados. Tome cuidado para não atender seu filho da forma errada. Esse sono não é profundo, portanto tentar “ajudar” seu filho pode acabar por prejudicar o sono dele. É normal a família pensar que está acontecendo alguma coisa com a criança. Por que se contorce? Está confortável? É frio? Nesta hora, só de entrar no quarto, o bebê pode acordar. Não atenda seu filho se ele apenas resmungar ou se mexer. Espere. Um dos motivos da falta de qualidade no sono da criança são estes despertares no meio deste ciclo. A criança não desenvolve a habilidade de iniciar um novo ciclo de sono por ter seu sono interrompido.

Entender estes estágios é uma ferramenta incrível para que você atenda seu filho da forma correta, sem atrapalhar seu sono. Dar a oportunidade do bebê desenvolver a habilidade de ligar os ciclos e respeitar as diferentes profundidades do sono dele são ótimos caminhos para que, aos poucos, sua família chegue ao objetivo de ter noites tranquilas e restauradoras.


 



Arquivado em: Cuidados diáriosSono do bebê Tags:

Comentários (1)

Trackback URL

  1. Pilar disse:

    Boa noite Achei muito interessante seu post. Meu filho está de 5 meses e eu ainda o acordo para comer cada 3 horas.Isso faz mal para o descanso dele? Obrigada

Deixe seu comentário