5 atitudes para estimular a criatividade do seu filho (coloque em prática hoje!)

Por 0 Comentários


A criatividade é um dos bens mais preciosos que temos e, quando estimulada desde a infância, acaba se tornando uma verdadeira virtude para a vida toda. As crianças criativas crescem mais inteligentes, com maior capacidade inventiva e de inovação (quem sabe não nasce assim um empreendedor por aí?). E para que você ajude seu filho desde cedo a desenvolver a criatividade, eu separei 5 dicas simples de atitudes para começar a usar já em casa! Quer ver só?

Use e abuse do papel: uma das atividades que mais estimulam a criatividade são os desenhos. Mas não pense que eu estou falando só de papel e caneta, não! Com uma folha na mão, você pode ensinar seu filho a usar diversos elementos para fazer criações incríveis, entre pinturas, colagens e até xilogravura. Eu ensino seis dicas bem diferentes nesse post. Vale a leitura!

Que tal deixar o pequeno colocar a mão na massa?: Estou falando de fazer seu filho colocar a mão na massa, literalmente! Mesmo pequenininhas, as crianças já podem ajudar na execução de alguns pratos na cozinha, sabia? Claro que mantendo todos os cuidados para evitar acidentes domésticos (como queimaduras)! Ainda assim, vale a pena apostar na atividade de cozinhar com o pequeno – especialmente receitas que permitem combinações diferentes (eu mostro algumas aqui). Outra dica legal é desenhar nos pratos quando for servir o filhote, e, claro, ele pode ajudar a fazer a produção, e até terá mais vontade de come-la!

Cacá e sua salada de ratinhos! Imagem: arquivo pessoal. A reprodução não está autorizada.

Aposte em atividades sensoriais: assim como os dois exemplos que eu citei acima, as atividades sensoriais trazem o mesmo benefício de fazer a criança sentir (mesmo!) o que ela está fazendo. E é fácil pensar em uma brincadeira sensorial para fazer em casa: basta misturar materiais e texturas diferentes, que dá para montar um monte de brinquedos com essa finalidade (aqui eu ensino 10)! O resultado dessa atividade para o pequeno é uma percepção mais completa de si mesmo, com base na experiência, o que conta muito para seu processo de aprendizado e desenvolvimento desde cedo.

E com materiais reutilizados: sabe quando eu falo aqui no blog que, se você prima que o seu filho cresça com um valor ou hábito, o ponto principal para ensiná-lo é dar o seu exemplo? E para incentivar uma criança criativa é isso o que vale também! Tente fugir do óbvio (mas sem desrespeitar regras, é claro) nas pequenas atitudes do dia a dia. Uma maneira bacana de fazer isso é aproveitando materiais que iriam para o lixo. Por exemplo: precisa escrever um bilhete e o bloquinho acabou? Que tal usar um pedaço do saco de pão para essa finalidade? Sem contar que a atitude estimula uma criança consciente!

Não deixe de incentivar: seu filho te presenteou com uma ilustração em que a pintura acabou saindo um pouco para fora do desenho? Elogie. Reconhecer o esforço da criança, mesmo nas pequenas coisas, é muito bacana para que ela cresça se sentindo estimulada, protegida, segura e amada. Esse ato a incentivará a continuar inventando (mesmo que as coisas não saiam tão perfeitas de cara)!






Arquivado em: DesenvolvimentoDiversão Tags:

Deixe seu comentário