Estudo mostra que conviver com gatos na infância diminui risco de asma

Por 0 Comentários


Um dos pensamentos mais comuns quando o assunto é alergia e asma em crianças é que o contato com animais, como gatos e cães, deve ser evitado para que o pequeno não desenvolva esses problemas, não é mesmo? Contudo, olha só que interessante: um estudo recente apontou que o convívio com gatinhos no primeiro ano de vida do bebê pode ser benéfico, justamente no sentido de prevenir esses quadros. Já parou para pensar nessa possibilidade? Então vem ver o que os pesquisadores concluíram!

Imagem: 123RF

O estudo e os cuidados que os pais podem tomar

Feito por pesquisadores do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, o estudo analisou 560 crianças de quatro cidades diferentes dos EUA. Os pequenos que participaram da pesquisa tinham pelo menos um dos pais com asma ou alergias (ou seja, as chances deles desenvolverem esses problemas eram altas).

Desse total, os pesquisadores analisaram o conteúdo bacteriano presente nas casas de 104 crianças, durante o primeiro ano de vida. E veja o que eles descobriram: pequenos que tiveram contato durante esse período com alérgenos (ou seja, substâncias capazes de provocar reação alérgica) de gatos, ratos e baratas apresentaram menos chances de desenvolver asma.

Evidentemente, isso não significa que a higiene da casa deva ser deixada de lado. É muito importante, especialmente para quem tem pets, manter os cômodos limpinhos. Por outro lado, o estudo reforça a importância de que as crianças tenham acesso, desde cedo, a uma grande variedade de alérgenos – pois é isso que vai ajudar a formar o sistema imunológico delas.

Com base nessas constatações, vale a pena investir em passeios e brincadeiras ao ar livre e, se a família quiser, a companhia de um animalzinho de estimação também é bem-vinda! Se estiver pensando em adotar um novo amigo, eu conto como fazer da relação dele com seu filho e a família a melhor possível, nesse post.




Arquivado em: Saúde Tags:

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail