O que fazer quando o bebê chora para tomar banho? Dicas práticas de mãe para resolver a questão!

Por 0 Comentários


Especialmente nos dias de frio, a hora do banho pode não ser um dos momentos preferidos dos pequenos (embora eu confesse que, por aqui, Catarina reclamava o ano todo!). Mas, com certos cuidados, é possível driblar a choradeira e diminuir os incômodos do filhote durante esse momento. No post de hoje eu conto algumas dicas bacanas para você colocar em prática (e se você tiver outra sugestão, não deixe de me contar nos comentários, combinado?). Vem ver!

Imagem: 123RF

Imagem: 123RF

Converse com o bebê

Mesmo que o filhote ainda não te responda, desde pequenininho ele consegue entender que existe uma comunicação entre vocês. Sem contar que ouvir a voz dos pais é um meio de acalmá-lo e passar segurança. Por esses motivos, o diálogo não deve ser deixado de lado, nem na hora do banho (assim, o bebê percebe que você está ali e, aos poucos, vai se sentindo mais à vontade, seguro e confiante). Narre o que você está fazendo, como foi o dia, e por aí vai…

Outra dica é fazer o possível para passar confiança, pois, se o bebê sentir insegurança nos seus movimentos, a reclamação pode ser maior (eles são muito sensíveis!). Aliás, essa era a minha maior dificuldade com a Cacá, pois eu morria de medo de deixa-la escorregar, e, tenho certeza, ela sentia isso no toque (e chorava!). Se necessário, peça a alguém com experiência para te ensinar como faz, e acompanhar os primeiros banhos.

 

Crie um ambiente agradável

As luzes do banheiro costumam ser mais fortes, e, se o pequeno demonstra agitação para tomar banho, o excesso de luminosidade pode incomodar ainda mais. Por isso, que tal acender só aquela mais suave? Também é válido colocar uma música relaxante para tocar baixinho e, enquanto conversa com o filhote, mantenha a voz calma.

Durante o frio, outro cuidado importante é esquentar o ambiente com um aquecedor, para que o ar frio não atrapalhe o banho (nesse post aqui há outras dicas bem legais, como escolher um cômodo mais quente para colocar a banheira – que pode ser, inclusive, o quarto do bebê; programar o banho para as horas mais quentes do dia; e deixar todas as roupinhas a mão, para que o filhote não resfrie). O fato de aquecer o cômodo ajuda ainda em outro sentido: você fica menos propensa a esquentar demais a água – lembrando que a água muito quente pode prejudicar a pele sensível do bebê, ressecando-a).

 

O tempo do banho pode variar

Respeite o temperamento do seu filho. Se um dia o bebê estiver muito agitado para tomar banho, faça esse momento passar rápido. Se no outro ele for se acalmando durante o procedimento e demonstrar que está à vontade ali (relaxado e brincando com a água, por exemplo), a duração do banho pode ser mais longa. Lembre-se de que além de manter a higiene, o objetivo do banho é fazer desse momento o mais agradável possível para o bebê (e nós vamos aprendendo com o tempo a forma correta de banhar, conforme o jeitinho de cada pequeno).

 

Se necessário, use uma toalha fralda

Embora alguns gostem muito, outros bebês não são fãs de ficar pelados. Se o seu filhote for assim, uma tentativa válida é, após tirar a roupa dele para o banho, enrolá-lo em uma toalha fralda (e colocá-lo com a peça na água). Comece então lavando e secando seus cabelinhos (e o deixe com a toalha enquanto faz isso, assim ele permanece mais quentinho) e depois vá para o corpo.

Outra dica, especialmente para os mais novinhos, é deixar uma fralda de pano no fundo da banheira. Quando o pequeno entra em contato com a peça, ele se sente mais seguro (porque às vezes ele pode ter a sensação de que vai cair na banheira, por não sentir um apoio muito sólido).

 

Libere os brinquedos

Deixe alguns brinquedos na banheira e, quando o pequeno já souber demonstrar o que quer, pergunte a ele qual brinquedo ele quer levar para o banho naquele dia. Distrai-lo com as peças enquanto você o higieniza pode ser uma das técnicas mais bem sucedidas para concluir o procedimento de forma tranquila.

Mais uma alternativa bacana para relaxar os bebês no banho é optar pelo uso de um balde. Já fez o teste? A técnica é bastante relaxante e as mamães estão cada vez mais adeptas. Leia mais sobre o assunto nesse post.




Arquivado em: Cuidados diários Tags:

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail