7 ideias de lanchinhos para os pequenos

Por 1 Comentário


Muitas leitoras do blog me escrevem pedindo sugestões de cardápios para os bebês. E entre os pedidos mais comuns está um post específico sobre lanchinhos para os pequenos, pois muitas vezes não sabemos o que dar aos filhotes, quando eles já estão comendo. O arroz, o feijão e a carne normalmente são recomendados pelo próprio pediatra, e introduzidos na fase certa. Mas nem todo mundo sabe o que servir nos intervalos entre as refeições principais, por isso achei interessante deixar algumas sugestões bacanas! Vem ver!

Imagem: 123RF

Imagem: 123RF

1) Frutas: diferentemente do que acontecia há alguns anos (até mesmo recentemente, quando Catarina era bebê), hoje a recomendação é servir frutas em pedacinhos, dando preferência a elas e não aos sucos. Frutas são excelentes lanchinhos, pois são fonte de vitaminas, minerais e fibras. Banana, pera, maçã, manga, mamão, melão, melancia e uva (sem caroço e cortada ao meio) são ótimas opções iniciais. Depois você vai variando a oferta, para que o pequeno experimente novos sabores.

2) Legumes: até hoje, eles são dos lanches favoritos de Catarina, sabia? Cenoura (eu adoro as do tipo baby, que já vêm lavadas e descascadas. E são pequenininhas, super atraentes para os filhotes!), palitinhos de pepino, ervilhas (você pode usar, inclusive, as congeladas e cozinhá-las) e tomates-cereja cortados (ok, na verdade eles são frutos, mas todo mundo acaba colocando “na conta” dos legumes) são boas alternativas.

3) Pão: tem coisa mais gostosa para os bebês do que miolo de pão francês? Eles adoram! Essa é, inclusive, uma sugestão para aqueles pequeninos com alergia a leite de vaca, pois o ingrediente não entra na composição do famoso pãozinho nosso de cada dia (mas vale checar com a padaria se não contém traços de leite). Eles ficam chupando, mordiscando, e se entretêm por um bom tempo durante o lanche!

4) Mingau: para aqueles que já estão um pouco mais avançados na alimentação, uma boa ideia são os mingaus com cereais. Por aqui, por exemplo, Catarina gosta bastante do mingau da Danone, o Milnutri Cereal Infantil (tem vários sabores: o preferido da pequena é o de arroz, banana e maçã. E sei que o último lançamento da marca é um sem adição de açúcar!). Acho bacana porque eles não apresentam sódio no cereal em pó, têm vitaminas do complexo B (que contribuem para o crescimento saudável) e uma associação de ferro e iodo, que auxilia no bom desenvolvimento cognitivo¹. Bom lembrar que são para comer, e não para beber (ou seja, não se deve engrossar o leite com o produto!).*

5) Massa: sim, você pode cozinhar um macarrãozinho e servir como lanche, obviamente sem molho. Opte por aqueles com formatos que podem ser pegos com a mão, como o parafuso ou a gravatinha. E o bebê mesmo pode comer sozinho!

6) Queijo: depois que o pediatra liberar (aliás, isso vale para tudo! Sempre o consulte antes de dar qualquer novo lanchinho!), você pode cortar pedaços de queijo e servir no pratinho. Prefira começar com o queijo branco, que tem menos gordura (só tome cuidado com a quantidade de sódio, pois algumas marcas têm bastante! Evite-as!).

7) Biscoitos: claro que você não vai oferecer bolacha recheada (isso nem precisava dizer!). Mas algumas opções são legais, como o do tipo maizena e o de polvilho. Neles também vale observar com cuidado o rótulo, uma vez que há marcas com gorduras trans, que devem ser riscadas da lista de supermercado.

E você, tem mais alguma sugestão de lanche para os pequenos? Deixe nos comentários!

* Conheça também a Promoção Escolinha Garantida de Milnutri Cereal Infantil, que irá sortear 10 bolsas de estudos no valor de 5 anos de escolinha para o seu filho, e mais 1000 prêmios instantâneos! Confira o regulamento no site: www.promocaomilnutricereal.com.br.

Este é um post publicitário da marca Milnutri.

¹ Carter RC e col. Pediatr, 2010; Domellof e col. ESPGHAN, 2014; Iodine status worldwide. WHO, 2004; Padovani RM e col. Rev Nutr Campinas, 2006; Human Vitamin and Mineral Requirements. FAO, 2001; Fox MK e col. J Am Diet Assoc, 2006; Butte e col. J Am Diet Assoc, 2004.

O MINISTÉRIO DA SAÚDE INFORMA: APÓS OS 6 (SEIS) MESES DE IDADE CONTINUE AMAMENTANDO SEU FILHO E OFEREÇA NOVOS ALIMENTOS. CONTÉM GLÚTEN.

selo




Arquivado em: Publieditorial Tags:

Comentários (1)

Trackback URL

  1. Cíntia disse:

    Meu filho ama vitamina. Uso o leite milnutre, Bato com frutas e aveia ele ama. ótimo para o lanche da tarde.

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail