Fazendo pizza em casa

Por 0 Comentários


Por aqui gostamos muito de pizza. E depois que Catarina completou três anos, liberamos para que fizesse parte do seu cardápio (antes disso ela até comia, mas de forma esporádica). No último fim de semana decidimos fazer uma atividade diferente por aqui: ao invés de pedi-la pronta, resolvemos montá-la em casa! A experiência foi muito divertida: Catarina aproveitou todos os passos e se sentiu uma grande cozinheira!

pizza 1

Para você que se animou em fazer uma pizza em casa com as crianças, deixo as dicas para facilitar o processo:

– Se optar pelo uso de massa semi-pronta, comprada em supermercado, escolha uma marca sem gordura hidrogenada.

– Para um molho de tomate fácil e prático, prefira usar o tomate pelado ao invés da latinha de molho pronto. Abra a lata do tomate pelado, jogue-o no liquidificador e bata. Coloque o molho da panela e deixe cozinhar, em fogo baixo, por meia hora.

– Coloque o queijo no processador para moê-lo. Faça o mesmo com o peito de peru (mas use-o com parcimônia, pois contém alta concentração de sódio).

– Use cebola roxa picada ao invés da convencional. O sabor é mais suave e tende a agradar mais o paladar dos pequenos.

– Tomatinhos-cereja são ótimos para esse uso! Ficam maravilhosos quando assados e não precisam ser cortados.

– Use folhas como a rúcula depois que a pizza estiver assada. Aqui Catarina cismou que queria colocá-la dentro do forno (“para ficar quente, mamãe!”). Mesmo deixando só um minuto, obviamente ela deu uma murchadinha.

– Coloque todos os ingredientes em potinhos e deixe a criançada montar a pizza! Essa é a parte mais bacana!

Aqui não sobrou nenhum pedaço para contar a história!

pizza 2




Arquivado em: Alimentação Tags:

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail