5 aplicativos que toda mãe deveria ter

Por 5 Comentários


Tenho que confessar a vocês que eu tenho um caso de amor com meu smartphone. O fato de estar conectada ao mundo pela internet também quando estou fora de casa me agrada muito (embora às vezes seja um pouco estressante, pois eventualmente você recebe um e-mail ou solicitação longe do computador e sabe que não conseguirá resolver o problema naquele momento). O post de hoje é sobre os aplicativos que facilitam muito a minha vida (quando as pessoas me perguntam como eu consigo trabalhar fora, tocar o blog, ser mãe, dona de casa, esposa, etc, etc, etc, acabo me lembrando que sem a ajuda deles seria muito mais difícil. Porque justamente por fazer várias coisas ao mesmo tempo, eu tenho que otimizar cada minuto que tenho disponível). Vamos à minha listinha:

1) Waze – eu praticamente não vivo mais sem ele. Se estou fora de casa e a bateria do celular está para acabar, imediatamente eu ligo o app para ver qual o melhor caminho para casa. Muita gente já conhece, mas vale explicar para quem ainda não está familiarizado: o Waze é um gps colaborativo em tempo real, ou seja, ele informa qual é o melhor caminho a seguir com base nas informações que os próprios usuários deixam. Em São Paulo e seu trânsito caótico, ele é simplesmente o máximo (frequentemente me poupa meia hora dentro do carro)! Já fugi de congestionamentos enormes, de manifestações, descobri caminhos diferentes em dias de rodízio…

Uma funcionalidade dele que nem todo mundo conhece é a possibilidade de compartilhar seu trajeto com outra pessoa (usuário de Waze ou não – nesse último caso você manda um link por SMS, WhatsApp ou por e-mail); se está atrasada para uma reunião, a pessoa vai acompanhando em que parte do caminho você está (procure no menu principal por Enviar – é ali que você consegue fazer isso!).

Waze - GPS colaborativo

Waze – GPS colaborativo

2) WhatsApp – esse é básico, mas justamente por isso, não pode faltar na lista. Para falar com todo mundo: com o marido, a mãe, a irmã, a vizinha… E para fazer um grupo de amigas (se for de mães, rola várias combinações de passeios com as crianças – e sem elas também, afinal, mãe também é gente!). O melhor: sem gastar loucamente com SMS.

aplicativo

3) Li Shop – eu baixei no meu celular há algum tempo, por isso pode até ser que haja algum outro melhor no momento para fazer listas de supermercado. Como ele é simples de usar, acabou me conquistando – eu deixo os itens de consumo da casa cadastrados ali e na hora de fazer compras, fica mais fácil fazer um check list do que está faltando. Bom para mães cabeça-de-vento, como eu.

LiShop - para listas de supermercado

LiShop – para listas de supermercado

4) Lanterna – aqui em casa, na época de chuvas (= verão), costumamos ficar sem luz com uma certa frequência. Nessas horas esse aplicativo quebra o maior galho (sua luz é bem mais forte do que a de uma vela, mas consome bastante bateria). Nos momentos de tédio também serve para que o pequeno invente que é um explorador! Tem modo SOS, espero nunca precisar usar!

Aplicativo Lanterna

Aplicativo Lanterna

5) Sleepmaker – atualmente é o meu preferido para as noites insones. Sabe quando seu filho acorda no meio da noite, pede um leitinho, volta a dormir, e você fica completamente sem sono? Eis aqui uma boa pedida! Nele há mil sons de chuva (batendo na janela, no teto, nas folhas de uma floresta, só para dar alguns exemplo!), que te ajudam a distrair das preocupações e a dormir novamente!

Sleepmaker

Sleepmaker

Bom, esses são apenas alguns aplicativos que uso frequentemente, claro! Eu ainda recomendo Climatempo (agora as mães têm uma ajudinha para saber se devem levar um casaquinho para o filhote) – embora às vezes falhe -, aplicativos das suas revistas favoritas (sua única chance de ler, porque ao chegar em casa fica impossível ler os artigos; fatalmente seu filho tirará as páginas da sua mão), sem falar, obviamente, dos aplicativos das redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter), que deixam a família e os amigos mais próximos (esses são tão óbvios que nem contam, certo?). Ah, e You Tube, que quebra aquele galho nas horas de birra do filhote (quem nunca recorreu à Galinha Pintadinha e desenhos Disney para acalmar o filho em um avião, trânsito parado?).

E aí, vamos aumentar essa lista? Deixem nos comentários os aplicativos que você mais usa e que ajudam na vida de mãe!




Arquivado em: DiversãoGadgets Tags:

Comentários (5)

Trackback URL

  1. Bibi disse:

    eu sou meio atrasada com essas coisas, embora trabalhe na área de TI. Casa de ferreiro, espeto de pau!
    Confesso que faz só alguns (3) meses que coloquei internet no celular e estou ainda aprendendo. Quero mudar de aparelho também pra colocar mais coisas.
    E vicia… gente… é algo que não tem mais volta! 🙂

  2. Carolina disse:

    Embora não seja grátis (e nem muito baratinho), o aplicativo da galinha pintadinha já me quebrou vários galhos, especialmente em lugares onde a internet não funciona (o que não é raro em se tratando de telefonia no Brasil)

  3. Ellen disse:

    Uso muito: Netflix para destrair o bebê. Period Tracker para acompanhar o ciclo menstrual. Chegou? para rastrear compras pela Internet. Minhas economias para planejamento financeiro. .. dentre outros.

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail