O que fazer com um bebê quando a energia elétrica acaba!

Por 1 Comentário


Olá, amigos do Mil Dicas de Mãe!

Considero a energia elétrica uma das grandes maravilhas da vida moderna. Fico imaginando as mães dos tempos antigos, tentando ver à luz de velas ou de lampiões onde foi parar aquele pedaço de bife que acabou de sair voando depois que o bebê esbarrou sua mãozinha na colher do jantar!

Ontem fiquei sem luz, depois de um temporal em São Paulo. E para minha surpresa, nos saímos bem, apesar da falta de televisão, de telefone fixo (todos os aparelhos da minha casa são sem fio e dependem de energia elétrica) e quase sem enxergar nada mesmo. Mas até para essas horas eu acho que temos algumas dicas interessantes!

Foto: Andre Kutscherauer

1) A dica óbvia: tenha sempre velas e fósforos à mão. A novidade dentro da dica óbvia: eu tenho um conjunto extra vela-caixa de fósforo (que aliás já foi usado, por incrível que pareça!) no banheiro da Catarina. Não sei como, mas deixei lá pensando que algum dia a energia poderia acabar com ela dentro da banheira, e seria horrível sair com a pequena enrolada numa toalha (porque não dá para deixar na banheira sozinha, é claro) procurando esses itens. Dito e feito: outro dia a luz acabou bem na hora do banho e me senti uma verdadeira super-mãe por ter pensado nisso antes!

2) Procure deixar o celular sempre carregado (para mães, lembrar disso com tanta coisa para pensar nem sempre é possível, eu sei). Principalmente se todos os seus telefones fixos dependem de energia elétrica para funcionar. Ficar incomunicável com um bebê pode ser um grande problema, então evite.

3) Aproveite para fazer uma brincadeira diferente! A diversão ontem foi cantar umas 50 vezes o Parabéns pra você e apagar as velas! Ela adorou!

4) Tenha papinhas prontas para a hora do aperto. Já fiquei sem energia (como vocês podem ver, isso é bem comum aqui em casa) e a papinha que eu mesma fazia estava congelada (eu só iria descongelar na hora do jantar). Com a Catarina aos prantos de fome, no escuro, abri sem pensar um pote de papinha pronta e resolvi o problema. Mãe tem que facilitar!

5) Não saia de casa sem sua chave, nem para ir até a entrada do prédio. A escada do meu edifício só dá para a porta de serviço. Saí de casa com a Catarina e fui até o hall do prédio, deixando apenas a porta social aberta e sem a chave da outra porta (troféu mãe sem noção!). Conclusão: a energia acabou, o elevador parou, e fiquei trancada para fora de casa com um bebê que estava com fome! Sorte ter uma vizinha tão legal (e com toda a infraestrutura necessária para um bebê) que me acolheu nessa hora!

E você, tem alguma dica de mãe para os dias sem energia elétrica? Deixa um comentário no fim do post!




Arquivado em: Coisas de casaDicas de mãe

Comentários (1)

Trackback URL

  1. Graziela disse:

    kkkkkkkk
    ADOREI o parabéns 50x.
    Não sei se eu teria tanta criatividade assim na hora do aperto…
    Achei tbm a vela no banheiro genial, eu não tinha pensado nisso…
    to me achando a pior mãe do mundo agora… rs
    Mto bom!!!

Deixe seu comentário

Receba nossas dicas por e-mail